Porto Velho (RO) quarta-feira, 5 de agosto de 2020
×
Gente de Opinião

Crônica

Reflexões Cirúrgicas


Reflexões Cirúrgicas - Gente de Opinião

Estarrecidos, observamos esse insólito ser que procura incessantemente uma célula para lhe parasitar, mantendo assim sua virulenta sanha de viver, matando corpo alheio que lhe concedeu morada.

Esqueçamos a fase ruim de agora, necessário expurgarmos a depressão e exortarmos a esperança no porvir. 

Aprender cirurgia dói, estressa, cansa, mas vale a pena.  

A responsabilidade não tem preço, a irresponsabilidade, sim, e pode ser muito alto. Quem pagará serão seus pacientes e próprio cirurgião. 

O dia em que o cirurgião se acostumar com os resultados adversos ou complicações terá perdido sua humanidade. Esse tipo de gente jamais deveria ser cirurgião. 

O cirurgião morre enquanto profissional quando cessa sua sede por novos conhecimentos. 

Competência, dedicação e envolvimento são a receita para o sucesso cirúrgico. 

        A cirurgia exige, por vezes, esforço hercúleo, até sobre-humano. 

Cara a cara com Deus, agradeceria a Ele o maior presente que deu à minha existência: ser cirurgião! 

 

PAULO GONDIM É FELLOW DO COLÉGIO INTERNACIONAL DE CIRURGIÕES,  MEMBRO TITULAR E ESPECIALISTA DO COLÉGIO BRASILEIRO DE CIRURGIÕES E DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE CIRURGIA MINIMAMENTE INVASIVA E ROBÓTICA, MEMBRO DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE CIRURGIA BARIÁTRICA E DO COLÉGIO BRASILEIRO DE CIRURGIA DIGESTIVA, CIRURGIÃO-CHEFE DO COMPLEXO HOSPITALAR CENTRAL, MEMBRO DO WEBSURGERY-IRCAD-FRANCE, PÓS-GRADUADO EM CIRURGIA MINIMAMENTE INVASIVA E ROBÓTICA PELO IRCAD/UNICETREX-UNIVERSIDADE JK E MEMBRO DA FEDERAÇÃO LATINO-AMERICANA DE CIRURGIA(FELAC).

Mais Sobre Crônica

A MAGIA

A MAGIA

Magia, magos, mágicos, são nomes por demais abrangentes.

A Era de Aquário

A Era de Aquário

Para fazer sucesso na vida, ganhar dinheiro fácil na loteria, gastar sem ganhar, é muito simples, basta seguir os astros, primeiro você descobre em

Reflexões Cirúrgicas (5)

Reflexões Cirúrgicas (5)

Lamentavelmente, a tecnologia aproximou o diagnóstico, ao tempo que afastou a mão do médico.***Os antigos necessitam hoje do respeito que os jovens p

Shazam!

Shazam!

Justiceiro é a alegoria da alma que mais alimentamos, como é bom se sentar em frente à TV e matar malfeitores.