Domingo, 23 de junho de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Carlos Sperança

Porto Velho uma das capitais campeãs de feminicídios no País?


Porto Velho uma das capitais campeãs de feminicídios no País? - Gente de Opinião

Olho nele

Prevendo a invenção da internet e a transformação do mundo em uma “aldeia global”, o filósofo Marshall McLuhan supôs que as grandes invenções tecnológicas são como extensões do ser humano. O automóvel, portanto, seria uma extensão dos pés. Da mesma forma, os satélites são a extensão do olhar humano, permitindo-lhes enxergar partes do mundo a longas distâncias.

Nessa lógica, o satélite Amazonia 1, totalmente brasileiro e a serviço do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), é um dos olhares nacionais mais precisos sobre uma realidade que não pode mais ser maquiada para parecer bonita nem negada por quem pretende se desvencilhar das responsabilidades.

O Amazonia 1, lançado em 2021, comprovou sua importância e necessidade por ocasião das enchentes no Rio Grande do Sul, traçando imagens reais que não permitem aos negacionistas qualificá-las de “enchentezinha” ou justificar o desvio de verbas de ações preventivas para gastos com obras menos necessárias, mas vistosas, para apoiar a propaganda governamental e pessoal de governantes habituados ao culto do Eu.

O pulo do gato desse instrumento destinado a monitorar o meio ambiente e plantações consiste em tirar fotografias do mesmo local, ao longo do tempo, historiando a realidade da área. Como o assunto é prevenção, vale dizer que ele já gastou metade de sua vida útil e em dois anos será preciso substituí-lo.

.............................................................................................

Os feminicidios

Como explicar o fato de Porto Velho ter se transformado numa das capitais campeãs de feminicidios no País? As ocorrências se sucedem diariamente e exige um estudo sociológico para entender esta situação. Rondônia é um dos três estados mais evangélicos do país –ao lado do Rio de Janeiro e Espírito Santo – e tem se comportado como um estado também muito conservador e machista. A colonização foi desencadeada com migrantes paranaenses, gaúchos, capixabas, catarinenses, mineiros, baianos, paraibanos, paraenses, acreanos, cearenses e nordestinos em geral. De onde herdamos este sentimento de violência contra a mulher, este DNA de feminicidios?

As convenções

Poucas semanas distantes das convenções partidárias que vão homologar as candidaturas a prefeitos, vices e vereadores em Porto Velho, e ainda temos um cenário repleto de indefinições, e portanto, um quadro nebuloso para ser esquadrinhado pelos analistas. Prevalecem as incertezas, mas é considerado certo que dos 12 pretensos pretendentes ao Prédio do Relógio, sede o Executivo municipal, pelo menos seis vãos recuar, já que se tratam de nomes que jogam com a possibilidade de serem indicados vices dos chamados candidatos de ponteira, leia-se Mariana Carvalho (União Brasil) e Leo Moraes (Podemos).

No interior

Abundam também as indefinições no interior do estado. Em Ji-Paraná, por exemplo, candidaturas do porte do ex-prefeito Jesualdo Pires (PSB) ou do deputado estadual Laerte Gomes (PDS) podem mudar toda configuração do pleito que teve novos nomes lançados, recentemente. Casos de Ari Saraiva e Afonso da Mabel. Também existe o problema do principal rival da prefeita Carla Redano (Progressistas) em Ariquemes, o feroz vereador Rafael Fera considerado inelegível para a eleição a prefeitura local. Não é o caso de Cacoal onde reina o favoritismo do atual prefeito Adailton Fúria (PSD).

Piratas do Madeira

Os piratas que agem no Rio Madeira têm caçado graves prejuízos as distribuidoras de combustíveis no trajeto Manaus-Porto Velho, uma hidrovia onde os criminosos ampliaram suas atividades para assaltar passageiros, roubo de eletrônicos e tantos outras cargas alvo da rapinagem. Na capital de Rondônia, os piratas se alojam em comunidades onde predominam as  facções do crime organizado, como Orgulho do Madeira, Porto Madero, Morar Melhor e Cristal  Calama. As investigações também ligam os piratas também ao garimpo ilegal e ao tráfico de drogas.

Triste retorno

Muitos trabalhadores que migraram de Rondônia para o Rio Grande do Sul nos últimos dois anos para trabalhar na construção civil, frigoríficos, laticínios, cooperativas e no segmento carvoeiro, estão voltando ao nosso estado depois de quase um mês de enchentes. Os primeiros que desembarcaram no interior na semana passada relataram as dificuldades pós-tragédia depois de perderem tudo o que tinham e vivenciar dias sofridos com o evento das águas e o frio do inverno que chegou valendo. É a mudança climática causando transtornos para todo o país.

Via Direta

*** O Rio Madeira em Porto Velho está baixando rapidamente sinalizando uma estiagem severa na região neste verão amazônico. Os mesmos indicativos de seca severa existem também para os estados vizinhos, Acre e Amazonas *** Sempre que visita a Assembleia Legislativa o deputado Hermínio Coelho, ex-presidente da casa de leis é recebido efusivamente pelos servidores. Foi o dirigente do Poder Legislativo que mais atuou pelas causas da categoria *** Como parte do seu plano de interiorização polícia, o prefeito de Porto Velho e presidente da Associação dos Municípios Hildon Chaves foi onipresente na Rondônia Rural Show. Hildão projeta voos mais longos para 2026.

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Gente de OpiniãoDomingo, 23 de junho de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

Os deputados estaduais da região Norte inventaram este tal de Parlamento Amazônico

Os deputados estaduais da região Norte inventaram este tal de Parlamento Amazônico

Inferno é desistir Uma velha polêmica religiosa é se, em caso de existir, o inferno é o futuro inevitável de gente malvada ou se ficará vazio por

Mariana Carvalho e Leo estão retardando a entrada em campo

Mariana Carvalho e Leo estão retardando a entrada em campo

Atraso e prejuízosAs bolhas “ideológicas” são dão alegrias aos adeptos mais alheios à realidade, que se divertem insultando inimigos. Para a socied

O marketing dos opositores estuda algum calcanhar de Aquiles do prefeito Hildon Chaves

O marketing dos opositores estuda algum calcanhar de Aquiles do prefeito Hildon Chaves

Crianças valiosasCientistas brasileiros encaminharam pela revista Nature Medicine séria denúncia sobre as dramáticas condições de saúde da populaçã

A adesão de Cristiane Lopes é importante para Mariana Carvalho

A adesão de Cristiane Lopes é importante para Mariana Carvalho

A internet nas aldeiasArtigo do jornal The New York Times que reporta a chegada da internet a aldeias indígenas amazônicas pelas antenas do polêmic

Gente de Opinião Domingo, 23 de junho de 2024 | Porto Velho (RO)