Porto Velho (RO) domingo, 3 de julho de 2022
×
Gente de Opinião

Samuel Saraiva

Passos lentos a caminho do Império da Razão?


Passos lentos a caminho do Império da Razão? - Gente de Opinião

O mundo civilizado haverá de estabelecer uma nova era no dia em que a razão prevalecer sobre a imaginação, e os Estados-Nações banirem de suas sociedades todas as organizações religiosas com viés lucrativo, devolvendo aos fiéis necessitados o milionário patrimônio acumulado durante séculos de práticas aterrorizantes, enganosas e desonestas, apesar de extremamente rentáveis. 

A humanidade então estará, por fim, livre para evoluir em paz, exercitando o discernimento sem sentimento de culpa por questionar o doutrinamento do temor a seres ‘todo-poderosos’, imaginários e aterrorizantes. Esse doutrinamento tem, por milênios, atrelado a humanidade ao atraso, à exploração e ao terrorismo psicológico, num mecanismo persuasivo desumano e cruel, imposto desde a tenra infância,  por poderosas métodos de lavagem cerebral, causadores de sequelas mentais inapagáveis em conformidade com a cultura imposta pelos colonizadores e dominantes, que lucram impunes com a poderosa, corrupta, inescrupulosa, hipócrita e indecente indústria da fé. Leigos e instruídos crédulos mantêm a vida fácil de espertalhões que vendem, impunemente, promessas hipotéticas e  ilusões surreais sobre o pós-vida.

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Samuel Saraiva

Sem ter mais para onde correr,  Moro volta para o Paraná, onde pede socorro ao TRE

Sem ter mais para onde correr, Moro volta para o Paraná, onde pede socorro ao TRE

WASHINGTON e BRASÍLIA – Depois de ser defendido pelo senador Álvaro Dias (Podemos-PR) e desprezar o Paraná, mudando o domicílio eleitoral para São Pau

Putin ‘vivo ou morto’. Seria o momento de se propor recompensa?

Putin ‘vivo ou morto’. Seria o momento de se propor recompensa?

A humanidade caminha cega, embriagada e adoecida, com o desafio de controlar o ímpeto de autodestruição pelo uso da extraordinária e desnecessária máq