Porto Velho (RO) segunda-feira, 16 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política

Alunos de S.Carlos são capacitados na prevenção de drogas


 
A prefeitura de Porto Velho, através da Coordenadoria de Políticas Públicas para a Juventude (CMPPJ), capacitou trinta jovens do Distrito de São Carlos, distante setenta quilômetros da capital, na prevenção de drogas. A atividade foi desenvolvida nos dias 26 e 27 deste mês e envolveu os alunos da Escola Municipal Henrique Dias, e destes jovens, quinze foram selecionados para formarem um núcleo de base do projeto de prevenção contra às drogas e à violência. O coordenador da CMPPJ, Samuel Pessoa destacou, “levamos ações do Projeto Nós na Prevenção, e fomos muito bem recebidos pelos professores e pela comunidade, pois estavam carentes de ações de prevenção sobre drogas e violência. Os alunos se dedicaram muito e depois de outras capacitações que a prefeitura vai proporcionar eles serão multiplicadores em meio de cerca de seiscentos alunos daquela Escola e na própria comunidade”.

No mês de fevereiro do próximo ano, o dia e o local ainda serão definidos, os alunos de São Carlos virão para Porto Velho se juntarão com outros grupos de alunos de Escolas do município e do Estado, para em três dias participarem de uma capacitação sobre o tema. “Além da prefeitura, os jovens vão aprender a buscar apoio e parcerias em outros órgãos e instituições para reforçar a campanha permanente de prevenção. A CMPPJ em parceria com a Universidade Federal de Rondônia (UNIR) estarão monitorando as ações do projeto realizado pelos grupos das Escolas e no final de um ano vamos avaliar e criar um indicador social do projeto”, explicou Samuel.

A coordenadoria fez um breve diagnóstico, não oficial, junto àquela sociedade e levantou que o álcool é a droga mais consumida entre os jovens, porém há a presença de drogas ilícitas, que só não estão mais disseminadas devido ao trabalho da Polícia Militar que realizou ações na entrada do distrito coibindo o tráfico.

De acordo com os dados levantados pela coordenadoria, o álcool acaba se tornando uma opção de diversão entre os jovens, devido a falta de mais opções de lazer e cultura. Uma das ferramentas para preencher esta necessidade é a constante realização de outras metodologias, como oficinas de música, cinema, dança e a divulgação de literatura sobre o assunto e panfletos informativos. A CMPPJ manterá o contato com os alunos de todas as Escolas participantes, apoiando e orientando sobre o desenvolvimento das ações do projeto.

Fonte: Fabrícius Bariani
 

Mais Sobre Política

Biometria obrigatória encerrará no mês de setembro, em oito municípios de Rondônia

Biometria obrigatória encerrará no mês de setembro, em oito municípios de Rondônia

A Justiça Eleitoral em Rondônia encerrará, no mês de setembro de 2019, a última fase do processo de revisão biométrica do eleitorado do estado, com co

Cristiane Lopes fiscaliza demandas de Extrema e União Bandeirantes

Cristiane Lopes fiscaliza demandas de Extrema e União Bandeirantes

A vereadora Cristiane Lopes (PP) esteve nos Distritos de União Bandeirantes e Extrema para realizar o levantamento das demandas dos moradores das comu

Rondônia é o primeiro estado do Brasil a implementar Programa Criança Protegida

Rondônia é o primeiro estado do Brasil a implementar Programa Criança Protegida

Em busca de efetivar políticas públicas que, de fato, beneficiem a sociedade rondoniense, o governador de Rondônia, coronel Marcos Rocha, e a primeira

Assembleia Legislativa aprova lei que garante o piso nacional aos professores da rede estadual

Assembleia Legislativa aprova lei que garante o piso nacional aos professores da rede estadual

Em duas votações, a Assembleia Legislativa aprovou, por unanimidade, na sessão desta terça-feira (10), o Projeto de Lei Complementar 31/19, de autor