Porto Velho (RO) segunda-feira, 23 de maio de 2022
×
Gente de Opinião

Opinião

Não há melhor lugar no mundo do que o Brasil para político corrupto


Não há melhor lugar no mundo do que o Brasil para político corrupto - Gente de Opinião

“Instaure-se a moralidade ou que se locupletem todos”. Essa frase, emblemática e lapidar, cuja autoria é atribuída por alguns ao Barão de Itararé, mas há quem diga que a expressão teria sido dita por Sérgio Porto, cai como uma luva para o Brasil dos tempos do cuecão, do mensalão e do petrolão, quando bilhões de reais foram gatunados dos cofres públicos para os bolsos de ratazanas gulosas, que continuam impunemente circulando de um lado para o outro, dentro e fora do Brasil, vestindo o esfarrapado mando da decência.

Preso em 2016, por corrupção e lavagem de dinheiro, na 35ª fase da Operação Omertà (do latim humilitas, que significa humildade, termo da língua napolitana que define um código de honra de organizações mafiosas do Sul da Itália, segundo a Wikipédia), depois de ter sido condenado a nove anos de prisão, um ex-ministro da fazenda teve sua sentença anulada, enquanto a pessoa que rouba um pacote de bolacha fica mofado na cadeia. E o que dizer do cacique-mor do propinoduto, aquele que vive arrostando moralidade e apontando o dedo na direção de adversários, acusado de ser o mentor e principal beneficiário do maior esquema de corrupção da história mundial, que lhe rendeu milhões de reais em propina.

Em países como a China, ladrão de dinheiro público é punido com pena de morte. No Brasil, porém, geralmente quem mete as mãos sujas no erário é endeusado, paparicado e aplaudido, por segmento da sociedade. Quando pipoca uma roubalheira, logo aparece alguém falando em criar uma CPI. Não é de hoje que uma distribuidora de energia elétrica vem deitando e rolando em cima da população. Resolveram criar uma CPI para apurar as denúncias. Nesse período, membros da Comissão se revezaram diante das câmeras de televisão prometendo enquadrar a empresa e ressarcir os consumidores espoliados. A CPI consumiu tempo, dinheiro e a paciência da população. No final, tudo acabou em pizza, restando ao povo apenas o prejuízo, como sempre.

No pico da covid-19, o governo federal destinou milhões de reais a estados e municípios para combater a pandemia, mas gestores inescrupulosos teriam dado outra destinação ao dinheiro. Mais uma vez, alguém teve a ideia de instaurar uma CPI para investigar as denúncias. Ao invés de investir contra os eventuais detratores do erário, a CPI seguiu no sentido contrário, ou seja, mirou sua metralhadora na direção de quem liberou os recursos. É difícil falar em moralidade num país em que ladrões do dinheiro público são contados às pencas, em todos os níveis. Sendo assim, que mal faz inchar as repartições públicas com cabos eleitorais e apaniguados políticos e, com eles, repartir o resultado do butim, ainda que a Constituição Federal atribua a ocupação desses cargos a concursados, sem que essa exigência seja respeitada. Comprovadamente, não há melhor lugar no mundo do que o Brasil para político corrupto.

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Opinião

A arte de questionar + O batalhão Azov rendeu-se + A adesão da Finlância e Suécia à nato possibilita o controlo dos usa sobre a Rússia

A arte de questionar + O batalhão Azov rendeu-se + A adesão da Finlância e Suécia à nato possibilita o controlo dos usa sobre a Rússia

A ARTE DE QUESTIONAR Uma sociedade-ideologia-opinião que não se questiona não avança O filósofo Sócrates usava do método maiêutico (arte de realizar

Rondônia: um dos estados mais violentos do Brasil

Rondônia: um dos estados mais violentos do Brasil

Rondônia se apresenta, hoje, como um dos estados mais violentos da federação. Essa afirmação não é minha. Quem garante isso é o Núcleo de Estudos da

Dr. Santana, obrigado!

Dr. Santana, obrigado!

Se tem uma coisa que me deixa extremamente desconfortável é com a danada da ingratidão.  Aprendi,  desde tenra idade,  que, quem dá geralmente não es

Finlândia e Suécia solicitam precipitadamente a admissão à nato + Família + Eurovisão da canção 2022 - Ucrânia

Finlândia e Suécia solicitam precipitadamente a admissão à nato + Família + Eurovisão da canção 2022 - Ucrânia

FINLÂNDIA E SUÉCIA SOLICITAM PRECIPITADAMENTE A ADMISSÃO À NATO50° Aniversário da Política alemã de Mudança através de AproximaçãoCom a solicitação