Porto Velho (RO) segunda-feira, 19 de agosto de 2019
×
Gente de Opinião

Opinião

Kennedy: STF deveria evitar remendo no caso Renan


Gente de Opinião

247 - O plenário do Supremo Tribunal Federal deveria manter ou derrubar a liminar do ministro Marco Aurélio Mello, que afastou do cargo o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), por este ser réu, defende o jornalista Kennedy Alencar.

"Apesar de parecer uma solução estapafúrdia, não surpreenderia uma decisão do STF que mantivesse Renan Calheiros (PMDB-AL) no comando do Senado, mas o impedisse de assumir a Presidência da República por estar na linha sucessória", afirma Kennedy, definindo o cenário hipotético como "esquisito".

Em sua avaliação, "o ideal seria o plenário do STF ter a coragem de tomar uma decisão sobre o mérito da liminar monocrática de Marco Aurélio". Se o ministro errou, "a liminar deveria ser derrubada. Se não, deveria ser mantida. O meio termo seria mais um remendo institucional casuístico".

Leia aqui a íntegra.

Mais Sobre Opinião

Meu cargo, minha vida

Meu cargo, minha vida

Bolsonaro se revelou um profundo conhecedor da natureza humana

Cada quadrado no seu quadrado

Cada quadrado no seu quadrado

Os argentinos são como são. E não querem nem aceitam conselhos.

Feliz dia de quem matou os pais!

Feliz dia de quem matou os pais!

Dia em que Suzane von Richthofen e Alexandre Nardoni estão de férias da prisão.

Brasil,  192 anos dos Cursos  Jurídicos  Salve o dia 11 de agosto, dia dos advogados

Brasil, 192 anos dos Cursos Jurídicos Salve o dia 11 de agosto, dia dos advogados

O Brasil, último país a acabar com a escravidão tem uma perversidade intrínseca na sua herança, que torna a nossa classe dominante enferma de desigual