Porto Velho (RO) sábado, 24 de agosto de 2019
×
Gente de Opinião

Pimenta Murupi

OS NOVOS CANDIDATOS - Por Pimenta Murupi


OS NOVOS CANDIDATOS  - Por Pimenta Murupi - Gente de Opinião

PESQUISAS PRA QUE TE QUERO

Não é de bom alvitre confiar em pesquisas. É muito fácil, com tantos interesses em jogo, manipular dados e, a grande verdade, é que, por mais que sejam registradas, e, afirmem que tenha uma metodologia, os tribunais regionais e mesmo o TSE, não acompanham, nem tem como, averiguar os procedimentos. Então, pode-se levar em conta, mas, sempre com um pé atrás. Muitas vezes, já aconteceu antes, a pesquisa é só uma forma de validar a fraude que se vai cometer. Dito isto, me parece que a última pesquisa do Ibope para governador mostra, ao menos, uma verdade: Expedito Junior corre sozinho para ser governador do Estado. E não estou considerando o fato de que os dois candidatos que o perseguem, juntos, tem menos votos do que ele. Estou considerando que não dá para acreditar que 70% do eleitorado já esteja resolvido. Estou considerando ainda que com o pouco tempo que falta para as eleições ele surge como a única alternativa que reúne as condições de fazer um governo, pelo menos, igual ao de Confúcio, ou seja, manter as contas públicas em dia.

OS NOVOS CANDIDATOS

Nada contra o Novo, inclusive o partido. Mas, a verdade é que ser novo não é, necessariamente, ser bom. O novo é sempre uma experiência. E, em muitos casos, pode ser uma experiência bem desagradável. Vejo, por exemplo, um certo entusiasmo com o João Amoedo. Mas, não se pode esquecer que se trata de um executivo de banco. Suas ideias, queira ele ou não, estão conformadas por sua vida ligada ao setor financeiro. É verdade que se trata de um Meireles “light”, mas, quando fala de educação, por exemplo, acerta no atacado, quando diz que é preciso melhorar a educação básica, porém, erra feio no varejo afirmando que a educação de nível superior tem muito dinheiro. Onde seu Amoedo? É só verificar que as universidades, inclusive as maiores, não possuem recursos nem para manter seus prédios. Contra os “outsiders”, como Amoedo, a pergunta básica é: como irá implantar seus planos? É preciso saber lidar com os parlamentos e, neste caso, a experiência conta. Inclusive mesmo quem vem de lá, como Bolsonaro, terá que aprender como se comportar do outro lado do balcão. E não se aprende isto de uma hora para outra. Aliás, a mesma coisa vale para os candidatos ao governo de Rondônia. Por melhores ideias que tenham, convenhamos, qual a experiência de administração pública que possuem os candidatos Vinícius Miguel, Marcos Rocha, Charlon, Valclei Queiroz, Pedro Nazareno ou Pimenta de Rondônia? Não se discute suas qualidades, mas, a falta de experiência para uma tarefa muito complicada, complexa mesmo.

RENOVAÇÃO? NÃO ME FAÇAM RIR

Continuo dizendo que não afirmo nada com base nas pesquisas. Não. Não acredito nelas. Não que pesquisas não funcionem. Funcionam. Mas, quando se trata de eleições a experiência comprova que os dados sempre servem aqueles que pagam por eles. É o caso da pesquisa para o senado. Não duvido que possa estar certa, porém, duvido, e muito dos números, apresentados. Pela pesquisa só 21% votam em branco e 27% não sabem em quem votar. Nem vou ri porque engasgo. Será muito maior o número de votos brancos e, hoje, muita mais pessoas não sabem em quem votar. Mas, sejamos condescendentes, o que se pode verificar da pesquisa se estiver certa? Somente que nada irá mudar significativamente. Os nomes que surgem nas primeiras colocações (Confúcio, Raupp, Marcos Rogério e Fátima Cleide) são todos nomes da velha política. E Jesualdo que seria a novidade onde anda? Lá embaixo com 6%. Como perde para um pastor Edésio Fernandes, muito pouco conhecido. Perguntei a um cabo eleitoral de Porto Velho e ele foi enfático: -É ruim de grana, chefe. Muita conversa e pouco dinheiro. Passa por aí. Que renovação que nada. É só olhar quem tem comitê eleitoral, quem tem formiguinhas passeando pelas ruas para saber quem vai ganhar a eleição. Muitos até merecem voltar, mas, vão voltar somente aqueles que tiverem tutu para colocar na mão dos meninos.

Duração: 16 segundos | Visualizações: 150

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Pimenta Murupi

SALVAI-NOS SENHOR!

SALVAI-NOS SENHOR!

Ah! Facebook terrível! Como deixa os viciados digitais assim desamparados!

Sinjur repudia opinião e restabelece verdade sobre a gestão sindical

Sinjur repudia opinião e restabelece verdade sobre a gestão sindical

A despeito da opinião publicada nesta segunda-feira, 26, por este respeitável jornalístico, o Sindicato dos Servidores no Poder Judiciário de Rondôn

2018 – O Pior Ano da História do Sinjur

2018 – O Pior Ano da História do Sinjur

Uma eleição marcada por polêmicas e vícios de formalidade levaram a atual diretoria ao comando do Sinjur – Sindicato dos Trabalhadores do Poder Judi