Porto Velho (RO) segunda-feira, 29 de novembro de 2021
×
Gente de Opinião

Léo Ladeia

Revelações da justiça


Frase:

Revelações da justiça - Gente de Opinião

“Cerveró e Graça Foster na mesma prisão nem pensar.
Aí não é prisão. É Casa do Espanto”. Yo mismo.


 

1-Dinheiro jogado fora

Revelações da justiça - Gente de OpiniãoSabe aquele conjunto do DNit que está sendo construído na margem esquerda do Rio Madeira? É bem bonito, tem igreja, escola, centro de convivência, tratamento de esgoto, vizinhança conhecida e pessoas com história de vida parecida que estão fazendo jardim e arranjos, muros, cercas, modificando as casas, tem um laboratório de malária da Semusa, Só não está melhor porque há reclamações e justo de algo difícil de supor, já que o responsável pela construção é o DNit: o asfalto das ruas é como esse aí da foto. Ruinzin de dar dó. Como a obra ainda não foi totalmente entregue dá tempo de corrigir. Ou não?    

2-Picaretagem eleitoral explícita

O Rio Madeira está cuspindo água e os casebres do bairro da Balsa já esperam as TVs para as imagens de todos os anos. Seguinte: com a “cheia histórica” as famílias atingidas iriam para o conjunto do DNit, esse do asfaltin porqueira. Ocorre que outra enchente está aí, a água lambendo as portas e famílias estão lá e mais, como as casas condenadas foram só parcialmente destruídas, tem gente se apossando das ruínas, e o rolo está de volta. E quem disse que Porto Velho não tem indústria? A de invasões por exemplo está contratando gente para invadir casas e terrenos. Tem cesta básica, não se pede experiência, nome limpo ou documento, salvo o título de eleitor. O patrão que a cada 2 anos banca tudo é o “nosso candidato”.

3-Só na pressão

Fogo, obstrução da rua, lixo e pneus queimando, gente protestando, mídia mostrando e algum “cabeça gorda” descobriu que aquela rua específica, daquele esquecido e maltratado Bairro Nacional iria dar “panos pra mangas”. Hoje estavam lá as máquinas da prefeitura, “adquiridas com recursos próprios” como “uzomis” falam na TV, espremendo a solução. Como diz Zé de Nana, “quando vem a furo e tem olho feito é só sarjar e espremer que sai”. Ô povin ruim de jogo. E se só vai na pressão, então acunha.

4-Pla-ne-já-men-to!

Natal, aniversário do estado ou do município, enchente do rio, carnaval, matrícula, Flor do Maracujá, desfile de sete de setembro, festa da padroeira..., você vai se lembrar de outros previsíveis eventos.  Tudo isso aí tem data ou tempo certo, ocorre todo ano e tem gente que ganha bem para cuidar. Quer um exemplo que me deixa irado? Em vez do pai, mãe ou avós do menino vararem a noite na porta da escola por uma vaga – que é direito – que tal a secretaria mandar a papelada pronta para a família do menino e esperar que confirmem se está certo ou errado? Pensar não dói, acreditem. E nem planejar.  

5-Revelações da justiça

Revelações da justiça - Gente de OpiniãoO livro Apocalipse – exposição ou revelação – que deu nome à operação policial, não é fácil de entender. De igual forma seguir o vai e vem desta operação. Mas se alguém acha que o assunto está fechado como um livro, ledo engano. A juíza que recebeu a denúncia mandou preparar uma área específica para ouvir todos os 51 – boa ideia –envolvidos e outros que apareçam a partir das oitivas. E como a denúncia versa sobre drogas, tudo vai correr na Vara de Delitos de Tóxicos. Quem vai dançar? Olha a lista:


 

6-Carteira estudantil – a picaretagem

Se você é idoso, idosa, letrado ou analfabeto e anseia – essa palavrinha tem cara de velha – engabelar o tempo e ficar supimpa – eita! outra bem antiga – que tal se tornar um secundarista ou uma normalista e sem precisar frequentar a escola? Para dar um upgrade na sua vida, sentir-se mais jovem, enturmar-se com a galera e deixar todo mundo de queixo caído, basta comprar uma carteirinha de estudante. Simples assim. A carteirinha vagabunda é vendida livremente por “empresários” no centro da cidade.

7-O golpe da conta de luz

Prepare-se para o cardápio indigesto preparado pelo governo: a conta de energia elétrica vai receber um choque e segundo estimativas, ficará 30% mais cara. Cacetada véio! E se faltar iluminação pública na sua rua, não reclame: a diligente prefeitura com a competente – e mal afamada Emdur – vai economizar recursos públicos. A lambança ou tungada é para substituir os aportes que seriam feitos pelo governo no setor elétrico. É parte da herança maldita que Dilma I deixou para Dilma II. E nós, apagando o fifó.

8-Pipira secreta

Revelações da justiça - Gente de OpiniãoAlém da herança maldita de Dilma I na economia, política e corrupção, a presidente Dilma II – Ô coitada! – está cercada de incompetentes. Claro que a nova presidente tem seu corpo de inteligência (?) e a Abin, a agência de arapongagem que tenta se antecipar para que ela saiba de tudo, antes que a Veja publique. Mas a equipe também é parte da herança maldita de Dilma I e até o cafezinho dos secretas é no breu. A presidente que só leva bola nas costas brada: “É o órgão de informação mais desinformado que existe”. Na foto um araponga disfarçado de pipira toma seu cafezinho na maior paz. E a Dilma ó...

9-É na gaiola que passarinho canta mais

Revelações da justiça - Gente de OpiniãoOutro passarinho na parada. PMDB e PT estão com as baladeiras prontas e de orelha em pé. Cerveró, o Belo, “para a alegria de muitos e tristeza de poucos” – isso não é da Banda do Vai Quem Quer? – começou a cantar na gaiola da PF e já fez um estrago na colega de formosura, Graça Foster, no Sergio Gabrielli, no Fernando Baiano e pelo andar da mula veia pega o PMDB na curva. Não sou vidente, mas acho que tá perto disso. E se Cerveró, o Belo, fugir da gaiola, leva uma estilingada em pleno voo. 

   

10-Olhando assim de pertinho...

Um governo que tem Cerveró, Graça Foster, Ideli Salvati, Lobão e Guido Mantega, tá feio na foto.

[email protected]

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Léo Ladeia

Política & Murupi - Quando o patrão manda abrir a porteira é porque a boiada foi vendida e o dono já é outro

Política & Murupi - Quando o patrão manda abrir a porteira é porque a boiada foi vendida e o dono já é outro

Recomendo vigorosamente àqueles que gostam das entranhas da vida partidária a leitura do livro “COMO MORREM AS DEMOCRACIAS”, um mergulho profundo no

Política & Murupi - Não, o Brasil do pobre faminto não é uma invenção da pandemia e não nasceu hoje

Política & Murupi - Não, o Brasil do pobre faminto não é uma invenção da pandemia e não nasceu hoje

As reportagens sobre pessoas em busca de restos de comida no lixo ou comprando ossos estão proliferando pelas TVS e redes de internet como algo novo

Política & Murupi - Quando tentei entender como funciona o “face”

Política & Murupi - Quando tentei entender como funciona o “face”

Começo com a frase muito difundida no mundo cibernético: se você acha que é um cliente que recebe um produto de graça via internet, acredite: você é

Política & Murupi - O setor da construção civil fechou maio com 2,43 milhões de trabalhadores com carteira assinada

Política & Murupi - O setor da construção civil fechou maio com 2,43 milhões de trabalhadores com carteira assinada

Disse o presidente da poderosa CBIC-Câmara Brasileira da Construção Civil que o setor está operando “como se fosse uma Ferrari andando com o freio d