Porto Velho (RO) terça-feira, 14 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Léo Ladeia

POLÍTICA & MURUPI 06/03


POLÍTICA & MURUPI

 

Frase do dia

"Boa parte da queda da inflação brasileira se deve às estripulias cambiais apoiadas nas mais altas taxas de juros do mundo".- Delfim Neto comparando as suas estripulias com as atuais. 

Pauta Política de 01 a 10

 

01-CIDADANIA – Justiça:

Todo cidadão em situação de pobreza, tem direito a um advogado gratuito. Ao Defensor Público compete a defesa dos direitos subjetivos juridicamente tutelados, prestando a orientação jurídica, assistência judicial e extrajudicial gratuita em qualquer juízo ou instância, àquelas pessoas físicas, cuja falta de recursos não lhes permita arcar com as despesas processuais ou deixando-as em situação vulnerável em relação à parte contrária. Éstá na lei é direito. Use a Defensoria Pública. Quanto mais você usa melhor ela fica.

 

02-Puxando o lençol curto:

É hoje. Lula vai receber os 27 governadores na Granja do Torto. Na pauta a reforma tributária ou uma receita para fazer omelete sem quebrar ovos. Que é preciso cortar impostos todos sabem. Que é preciso redistribuir a arrecadação todos sabem. E aí mora o problema. Esmolando verbas a vida inteira, os governadores não acreditam que o governo federal gordo, voraz e ineficiente esteja disposto a abrir mão da receita que é gerada pelos estados e municípios. Onde isso pode chegar? Lula mostrando um cobertor curto e roto a 27 coitados tiritando de frio. A lugar nenhum.

 

03-Remendando o lençol:

É hoje. Os 27 governadores estarão no Torto mostrando a Lula caminhos mais retos. Vão mostrar o que todos sabem inclusive Lula eu finge não ver. A economia é gerada pela ação produtiva no campo, fábrica e serviços pelo Brasil. A parte maior dos impostos gerados e que beira os 40% asfixia a economia geral. A cobrança se faz quase toda pela União e os repasses homeopáticos inviabilizam investimentos em estados e municípios. Uma conversa interessante. Governadores matando cachorro a grito ouvindo Lula falar de PAC. Onde isso pode chegar? A lugar nenhum.  

 

04-Lençol esfarrapado:

Da reunião preparatória com 8 governadores ontem deduz-se que o governo federal tem pouco a oferecer. Tarso e Mantega deixaram claro que a margem de negociação é mínima. Dividir a CPMF, Cide ou PIS/Cofins com Estados, nem pensar. Sem grana, sem apoio. Sem apoio, sem PAC. Sem PAC, sem rumo. E sem rumo uma boa desculpa. Aos governadores cabe arranjar um outro lençol. Lula fez sua parte e se o PAC não der certo, governadores e o Congresso carregam a culpa. Errar é humano e persistir é burrice. Divino é ter alguém para carregar a culpa.

 

05-Dote nupcial:

Era assim. Para casar os pais da moça entregavam uma dinheirama ao futuro marido. Era o dote. Os tempos mudaram e a prática caiu em desuso, mas alguns como o governador Blairo Maggi por exemplo ainda usam. Depois do acordo no segundo turno das eleições quando recebeu um dote, hoje cai nos braços do novo partido, o PR, fruto do acasalamento do PL e do PRONA e também entrega um dote: 522 nomes dentre os quais 141 prefeitos. Por esses dias teremos as bodas de Ivo Cassol com o mesmo PR e não podemos fazer feio. De cara temos um senador. Para empatar só faltam 521 fichas. Tá facin, facin. "Não podemos se michá pros home"

 

06-Olho por olho, dente por dente:

A justiça concedeu o bloqueio de 20% do faturamento do bruto da Caerd, a partir de março e só porque a Caerd não pagou as contas de energia durante 8 anos. Até ai morreu Neves. O pior é que a Ceron paga o valor do imposto sobre a conta ao Estado de Rondônia eu vem a ser o sócio majoritário da Caerd. Será essa então a mágica da gestão compartilhada? Se for, proponho que se corte a água da Ceron, mesmo que esteja paga. Só de birra. Quem sabe um deputado invente a CPI da Caerd, e o IPEM resolva aferir todos os medidores da Ceron. Vou rir de montão. Se vou.

 

07-Olho trocado por chumbo não dói o dente:

A tchurma do PMDB ligada ao ex-ministro Nelson Jobim está uma arara com o presidente Lula. É que ontem Lula fez das suas. Chamou o Michel Temer e entregou o Ministério da Integração para o seu chegado Geddel Vieira Lima. Para Jobim o recado foi explícito: Lula lhe beijou o rosto e cravou o punhal nas costas. O ex-ministro Jobim se mostra pouco afeito às trairagens da política. Se vivesse mais a vida partidária ou lesse sobre Ulysses que dá nome à sua chapa entenderia. Conversar com o franciscano Pedro Simon também ajuda. Principalmente depois da punhalada.

 

08-Metendo o meu bedelho:

O sindicato é por natureza uma associação autônoma para defesa dos seus filiados. Constituir um sindicato é tarefa complicada e sua existência é regulamentada por leis específicas. Para manter-se em funcionamento os sindicatos são obrigados a uma série de normas e sempre tendo a assembléia de seus filiados como parâmetro. Irregularidades devem ser tratadas no seu âmbito e, como imaginar que não existam. Mas criar uma CPI sobre o Sintero deixa uma pergunta: O que levou deputados a se preocuparem com o rico dinheirinho do Sintero e dos seus associados?

 

09-A moda agora é o pacote:

O Pacote para Desenvolvimento da Educação, uma espécie de Programa de Aceleração do Crescimento para as Escolas, foi apresentado ontem ao presidente Lula pelo ministro Fernando Haddad. O custo estimado será de R$8 bilhões para quatro anos e o principal objetivo é fortalecer a educação básica. Tudo o que se fizer em educação é bem vindo, mas a educação não precisa de pacote. Precisa de revolução. Revolução se faz com idéias e motivação. Não vi isso no pacote

 

10-Mexendo em casa de caba:

A nova metodologia de cálculo do PIB do IBGE dará mais credibilidade e transparência às contas, e mais dor de cabeça para o governo sobre suas metas. O valor do PIB com novas empresas e novas informações do IR crescerá. O PIB maior altera a relação dívida/PIB, poupança e superávit primário menores e ai, bingo. Ou as metas mudam, ou o País terá de economizar mais para alcançar superávit de 4,25%. Se correr o bicho pega e se ficar, você já sabe.

 

leoladeia@hotmail.com

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Léo Ladeia

Coluna do Leo Ladeia

Coluna do Leo Ladeia

  FRASE DE HOJE: "O juiz não pode perder a capacidade de julgar, para condenar ou absolver".– Ministro Teori Zavascki. 01-Driblando a crise Os mercadi

Coluna do Leo Ladeia

Coluna do Leo Ladeia

 FRASE DE HOJE: "Está em jogo é populismo. O tipo de discurso que chega agora dos Estados Unidos encoraja o populismo e até o extremismo".– François H

Coluna do Leo Ladeia

Coluna do Leo Ladeia

  FRASE DE HOJE: "A Lava-Jato tem gerado expectativas e uma onda de  consequências. O Tribunal está desafiado a dar uma solução que  ultrapasse qualqu

Não basta dizer que é vereador. É preciso ler, se envolver no processo, dominar o tema e atentar para o que assina - Por Léo Ladeia

Não basta dizer que é vereador. É preciso ler, se envolver no processo, dominar o tema e atentar para o que assina - Por Léo Ladeia

Coluna do Leo Ladeia FRASE DE HOJE: "Se cuidem, porque se eu voltar para ser candidato a presidente da República é para fazer mais do que fizemos"– Lu