Porto Velho (RO) domingo, 26 de janeiro de 2020
×
Gente de Opinião

Turismo

Pronatec 2013: Semdestur e parceiros organizam vagas


A prefeitura de Porto Velho, através da Secretária municipal de Desenvolvimento Socioeconômico e Turismo (Semdestur), realizou encontro com os gestores do sistema “S” e Instituto Federal envolvidos nas pactuações de vagas dos cursos do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) para 2013. O encontro foi realizado nesta quinta-feira (29), na sala de reunião, da Semdestur, onde estiveram presentes os representantes dos executores do programa.

Durante o encontro, foram esclarecidas questões sobre vagas nos cursos de qualificação profissional, bem como a ampliação da mobilização para que pessoas com perfil do Cadastro Único (famílias com renda de zero a três salários mínimos) se qualifiquem por meio dos cursos do Plano de Qualificação Profissional.

Segundo secretário Agnaldo Nepomuceno, “a união, do Governo Federal, gestores municipais é interlocutores do Programa, Senai, Senac, Senar, Set Senat e Instituto Federal, foram fundamentais para que a capital esteja vivenciando um avanço muito grande na área da qualificação profissional”. Agnaldo disse ainda que “a meta para próximo ano da prefeitura é ampliar a oferta e que a troca de gestores não deve acarretar nenhum prejuízo a população, razão pela qual, temos a responsabilidade de deixar tudo devidamente encaminhado, para que as atividades possam ter continuidade", enfatizou.


Programação

Ao todo, serão cerca de 10 mil vagas , sendo que as inscrições começam a partir do dia 10 de dezembro de 2012 na própria Semdestur e às aulas terão inicio a partir de março de 2013.

De acordo com a programação, serão disponibilizados os cursos de Arrumador e Conferente de Cargas, Monitor de Transporte Escolar,Cobrador de Ônibus Coletivo Urbano, Frentista,Operador de Empilhadeira, Auxiliar Administrativo, Bombeiro Civil, Operador de Computador, Lavador e Lubrificador de Veículos, Motorista de Transporte Escolar, Motorista de Transporte de Carga de Alimentos, Motorista de Transporte de Carga Viva,Operador de Pá Carregadeira, Operador de Retro Escavadeira, Recepcionista, Cabeleireiro, Maquiador, Depilador, Manicure e Pedicure, Massagista, Técnico em Estética, Chapista, Auxiliar de Cozinha, Camareira em Meios de Hospedagem, Costureiro, Atendente de Lanchonete, Garçom Básico, Operador de Caixa, Promotor de Vendas, Operador de Supermercados, Auxiliar de Pessoal, Auxiliar Financeiro, Comprador, Auxiliar de Crédito e Cobrança, Promotor de Vendas, avicultor, Preparação de Doces e Conservas, Produtor de Mandioca, Viveirista de Plantas e Flores, Artesão de Biojoias, Operador de Máquinas e Implementos Agrícolas, Carpinteiro de Obras, Carpinteiro de Telhado, Desenhista da Construção Civil, Eletricista de Linhas Eletricistas de Alta e Baixa Tensão, Eletricista e Instalador Predial de Baixa Tensão, Encanador Instalador Predial, Mestre de Obras, Operador de Máquinas de Construção Civil, Operador de Maquinas de Marcenaria, Pedreiro de Alvenaria, Pedreiro de Revestimento em Argamassa, Pintor de Obras e outros.


Localidades

O Senac oferecerá 1.628 vagas sendo 630 para os distritos de Rio Rio Pardo, Nova Califórnia, Extrema, Jaci Paraná, Abunã, União Bandeirante, São Carlos e Calama. O Sest Senat distribuirá 1750 vagas sendo que 100 será distribuída nos distritos de Extrema, Jaci Paraná e Vila Nova da Cachoeira do Teotônio. O Senar disponibilizará 90 vagas para as localidades do Ramal do Boto Bacia Leiteira, Linha Progresso, Periquito, Cujubim e Vila Nova da Cachoeira do Teotônio e o Senai terá 5.848 vagas distribuídas na capital e nos distritos de Nova Califórnia, Jaci Paraná e Extrema. Já o Instituto Federal de Rondônia ofertará 310 somente na capital.


Estrutura

As escolas terão salas de aulas disponíveis para funcionamento do Programa e laboratório de informática para atender aos alunos. Segundo os parceiros já foi feito um diagnóstico para as providências a fim de atender tais requisitos, e que o objetivo do programa é fortalecer o Ensino Médio por intermédio da oferta de cursos de Educação Profissional e Tecnológica, promover a qualificação profissional voltada para a elevação da escolaridade e para a inserção no mundo do trabalho, dentre outros. Para isso, foi feito um diagnóstico para avaliar a demanda de cada região para que os cursos ofertados na capital e distritos possam atender a vocação e os arranjos produtivos da localidade.

Fonte: Jean Carla Costa

Mais Sobre Turismo

Sistema Fecomércio/Sesc/Senac apoia Investe Turismo

Sistema Fecomércio/Sesc/Senac apoia Investe Turismo

O Ministério do Turismo, Embratur, Governo de Rondônia e Sebrae realizam na próxima segunda-feira, 21 de outubro, o Seminário Investe Turismo. O Siste

Programa Investe Turismo chega em Rondônia

Programa Investe Turismo chega em Rondônia

O Turismo é uma grande mola propulsora dentro da economia de um país. Em Rondônia, seus potenciais estão latentes, necessitando de apoio para seu

Ecoturismo é a preferência de visitantes estrangeiros na região Norte

Ecoturismo é a preferência de visitantes estrangeiros na região Norte

Natureza, ecoturismo e aventura. Essas são as principais motivações dos turistas estrangeiros que visitaram o Norte do Brasil em 2018, de acordo com o

Rondônia tem novo Mapa Turístico aprovado pelo Ministério do Turismo

Rondônia tem novo Mapa Turístico aprovado pelo Ministério do Turismo

O Ministério do Turismo divulgou, na segunda-feira, 26, no Diário Oficial da União, o novo Mapa do Turismo Brasileiro 2019-2021. Ao todo, 2.694 ci