Porto Velho (RO) quinta-feira, 21 de janeiro de 2021
×
Gente de Opinião

Turismo

Fundação Getúlio Vargas avalia cadeia turística de Porto Velho


 
O potencial da cadeia produtiva do turismo de Porto Velho está sendo levantado pela Fundação Getúlio Vargas, através da pesquisadora Gabriela Serpa. Durante dois dias, 29 e 30 deste mês, a pesquisadora entrevistou representantes do setor hoteleiro, de agência de turismo, produtores de eventos, de transportes, cultural, poderes públicos, entre outros. Esta pesquisa de campo abrange as atividades associadas ao turismo nos 65 destinos indutores e em suas áreas de influência, e Porto Velho é um destes indutores.

De acordo com a pesquisadora, “o objetivo é buscar identificar a cadeia produtiva do turismo de Porto Velho, sua estrutura para capacitação logística e de pessoal, e a produção associada ao turismo nos destinos, além de verificar a sua área geográfica de influência”, informou a pesquisadora.

O Coordenador Municipal de Turismo (Cmtur), Jun Yamamoto, da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Socioeconômico (Semdestur), explicou que, “o Ministério do Turismo (MT), contratou a Fundação Getúlio Vargas para coletar dados destes destinos indutores. Pela primeira vez a nossa capital passa por esta avaliação, que está na sua segunda fase, a primeira foi a de competitividade dos indutores, que levantou as estruturas de aeroportos, rodoviárias, trânsito, mão de obra especializada, pontos turísticos, investimento dos setores público e privado com foco no turismo, entre outras avaliações. Esta nova fase vai gerar outras informações muito úteis para no nosso município que através da Semdestur e da Cmtur, vamos realizar melhor nossas atividades para despertar o turismo local em Porto Velho com reflexo na região Norte”, apontou Jun.

Destino Indutor

O ministério do Turismo lançou a segunda edição do relatório anual do ‘Estudo de Competitividade dos 65 Destinos Indutores do Desenvolvimento Turístico Regional’, dentro do programa ‘Roteiros do Brasil programa de regionalização do turismo’. Porto Velho foi apontado como um dos destinos indutores na região Norte, com destaque para o pólo Madeira-Mamoré, onde estão incluídos os distritos de Jacy-Paraná e Abunã. A pesquisa não citou outras cidades em Rondônia como indutoras.
O objetivo da pesquisa do Ministério do Turismo é mostrar os resultados consolidados entre as duas pesquisas, 2008 e 2009, e no total geral, Porto Velho subiu de 42,8, em 2008, para 45,7 em 2009. Segundo o critério da pesquisa apenas resultados superiores ou inferiores a um ponto são considerados como avanço ou recuo na capacidade do município.

Por: Fabrícius Bariani
Fotos: Estevão Quintela

 

Mais Sobre Turismo

Rolim de Moura entra no “Mapa do Turismo”

Rolim de Moura entra no “Mapa do Turismo”

A prefeitura de Rolim de Moura (RO, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano (SEMMADU) está realizando Inventário

Turismo: destinos turísticos de Rondônia impressionam pela beleza e economia, afirmam servidores

Turismo: destinos turísticos de Rondônia impressionam pela beleza e economia, afirmam servidores

Viajar é sempre uma experiência prazerosa, e é difícil encontrar quem não goste de conhecer novos lugares, fotografar diferentes paisagens e experimen

Sistema Fecomércio/Sesc/Senac apoia Investe Turismo

Sistema Fecomércio/Sesc/Senac apoia Investe Turismo

O Ministério do Turismo, Embratur, Governo de Rondônia e Sebrae realizam na próxima segunda-feira, 21 de outubro, o Seminário Investe Turismo. O Siste

Programa Investe Turismo chega em Rondônia

Programa Investe Turismo chega em Rondônia

O Turismo é uma grande mola propulsora dentro da economia de um país. Em Rondônia, seus potenciais estão latentes, necessitando de apoio para seu