Porto Velho (RO) sexta-feira, 23 de agosto de 2019
×
Gente de Opinião

Justiça

TJRO recebe Selo de Prata no Justiça em Números do CNJ


TJRO recebe Selo de Prata no Justiça em Números do CNJ - Gente de Opinião

O Tribunal de Justiça do Estado de Rondônia (TJRO), foi contemplado com o Selo de Prata na avaliação feita pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que faz parte do Justiça em Números. O Poder Judiciário de Rondônia atingiu 100% das metas estabelecidas em onze tópicos de avaliação, senda elas as metas I, II, IV, IX, XII, XIII, XIV, XV, XVII, XVIII e XIX. No resultado final, o TJRO, obteve a pontuação de 445,67, o que representa 69,6% do cumprimento das metas – faltando apenas 0,3% para a obtenção do Selo de Ouro que é conferido aos tribunais que atingem 70%.

O Poder Judiciário de Rondônia conseguiu atingir todas as metas estabelecidas no que diz respeito ao cumprimento da resolução 76 do CNJ – estabelecendo os indicadores, fixação de prazos e determinação de penalidades. Os 100% também foram atingidos na implementação e manutenção do Núcleo de Estatística no Tribunal; na utilização dos dados pelo Núcleo de Estatísticas nas Reuniões de Análise da Estratégia; e ainda, a disponibilização das informações a respeito da Resolução 102/2009 do CNJ, transparência da gestão orçamentária e financeira no site da instituição e quadros de pessoas com as respectivas estruturas remuneratórias.

A Justiça de Rondônia também atingiu a eficiência ao respeitar os prazos estabelecidos pelo CNJ no encaminhamento dos dados da padronização das demandas repetitivas e precedentes obrigatórios; criado unidades ou núcleos socioambientais e publicado o relatório de desempenho da gestão socioambiental; enviado os dados estatísticos sobre a atenção à saúde de magistrados e servidores ao CNJ; e conseguiu realizar atividades de forma a contribuir para a gestão participativa e democrática na elaboração das metas nacionais do Poder Judiciário e Políticas Judiciárias do CNJ.

Merecem destaques, ainda, os indicadores a respeito do encaminhamento de informações sobre o enfrentamento à violência contra as mulheres; os dados estatísticos previstos no Mês Nacional do Juri e a transparência na divulgação da remuneração dos magistrados.

O Selo Justiça em Números visa ao reconhecimento dos Tribunais que investem na excelência da produção, gestão, organização e disseminação de suas informações administrativas e processuais. Além do requisito básico de encaminhamento adequado das informações constantes no Sistema de Estatística do Poder Judiciário (SIESPJ), com atenção aos prazos de preenchimento e à consistência dos dados, também são avaliados outros itens, tais como: nível de informatização do Tribunal, uso de relatórios estatísticos para o planejamento estratégico e cumprimento de resoluções do CNJ alinhadas à gestão da informação.

Ainda em dezembro, o Tribunal de Justiça também recebeu do Tribunal de Contas do Estado de Rondônia, a Certificação de Qualidade em Transparência Pública, ficando em primeiro lugar entre todos os demais órgãos públicos estaduais no que diz respeito a divulgação de informações administrativas.

Mais Sobre Justiça

Ministério Público de Rondônia vai realizar seleção de estagiários administrativos de nível superior

Ministério Público de Rondônia vai realizar seleção de estagiários administrativos de nível superior

O Ministério Público do Estado de Rondônia divulgou o edital nº 4/2019 -SG para seleção de estagiários de nível superior nas áreas de Administra

Sistema Nacional de Adoção e Acolhimento é lançado pelo CNJ

Sistema Nacional de Adoção e Acolhimento é lançado pelo CNJ

Lançado no último dia 15, pelo Conselho Nacional de Justiça - CNJ, o Sistema Nacional de Adoção e Acolhimento – SNA substituirá o Cadastro Nacional de

Ministério Público de Rondônia oferece denúncias por irregularidades na Companhia de Água e Esgoto de Rondônia

Ministério Público de Rondônia oferece denúncias por irregularidades na Companhia de Água e Esgoto de Rondônia

O Ministério Público do Estado de Rondônia, por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO), denunciou 22 pessoas por i

Moro diz que Coaf vai continuar a trabalhar com independência e autonomia

Moro diz que Coaf vai continuar a trabalhar com independência e autonomia

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, disse hoje (20) que o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) vai continuar a di