Porto Velho (RO) terça-feira, 24 de novembro de 2020
×
Gente de Opinião

Justiça

MP expede recomendação para que Câmara de Buritis exonere ocupantes de cargos comissionados irregulares e promova concurso público


MP expede recomendação para que Câmara de Buritis exonere ocupantes de cargos comissionados irregulares e promova concurso público - Gente de Opinião

O Ministério Público de Rondônia expediu recomendação à Câmara Municipal de Buritis para que providencie, no prazo de 30 dias, a exoneração de ocupantes de pelo menos nove cargos em comissão da Casa de Leis, identificados como irregulares, e encaminhe projeto de Lei que regulamente os requisitos para realização de concurso público no âmbito do Poder Legislativo daquele Município. O certame, conforme adverte o MP, deverá ser realizado em 90 dias.

No documento, destinado ao Presidente da Câmara, vereador Marcelo Mendes Pedro, o Ministério Público também recomenda que sejam adotadas providências (administrativas e legislativas) necessárias para extirpar da administração cargos em comissão que não desempenham as funções de direção, chefia e assessoramento, os quais usurpam função privativa destinada à investidura mediante concursos públicos.

A recomendação foi subscrita pelo Promotor de Justiça Matheus Kuhn Gonçalves, após diligências que apontaram que servidores lotados em cargos de direção, chefia e assessoramento estão, na prática, exercendo funções inerentes a cargos efetivos.

O Promotor de Justiça afirma que as atribuições de alguns dos cargos elencados na Lei  nº1293/2018, que dispõe sobre os cargos comissionados da Câmara, não se enquadram entre aqueles de direção, chefia e assessoramento, mas sim cuidam de funções técnicas e burocráticas, de caráter permanente, a serem prestadas pela Administração Pública.

O Integrante do MPRO ressalta que, embora o Município seja dotado de autonomia política e administrativa dentro do sistema federativo, tal autonomia não tem caráter absoluto, pois encontra limitação nas regras estabelecidas pela Constituição Federal, que prevê a obrigatoriedade de preenchimento de cargos públicos pela via do concurso público de provas ou de provas e títulos, com exceção dos cargos em comissão.

Atualmente, o quadro de servidores da Câmara Municipal de Buritis é composto por oito cargos efetivos e 26 cargos comissionados. Uma pesquisa realizada pelo MP em portais de transparência de cinco municípios com a mesma quantidade de vereadores (11 parlamentares) constatou haver uma desproporcionalidade entre cargos comissionados e efetivos em Buritis.

Mais Sobre Justiça

Operação Bonifrate - Ministério Público, Polícia Civil e Secretaria de Finanças deflagram operação de combate à sonegação fiscal

Operação Bonifrate - Ministério Público, Polícia Civil e Secretaria de Finanças deflagram operação de combate à sonegação fiscal

O Ministério Público do Estado de Rondônia, por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO), do Grupo de Atuação Especial

Operação cumpre mandados judiciais contra advogados envolvidos com o crime organizado

Operação cumpre mandados judiciais contra advogados envolvidos com o crime organizado

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado do Ministério Público do Estado de Rondônia (GAECO/MPRO) e a Polícia Civil do Estado de R

Contágio de motorista de ambulância por Covid-19 é reconhecido como doença ocupacional pela Justiça do Trabalho

Contágio de motorista de ambulância por Covid-19 é reconhecido como doença ocupacional pela Justiça do Trabalho

O juízo da 5ª Vara do Trabalho de Porto Velho (RO) reconheceu o nexo causal em contaminação por Covid-19, como doença ocupacional, a motorista de ambu