Porto Velho (RO) quarta-feira, 17 de agosto de 2022
×
Gente de Opinião

Justiça

Mais de 2,3 mil vítimas atendidas e 255 presos no Norte por crimes contra crianças e adolescentes; Amapá tem melhor desempenho regional


Mais de 2,3 mil vítimas atendidas e 255 presos no Norte por crimes contra crianças e adolescentes; Amapá tem melhor desempenho regional - Gente de Opinião

A região Norte prendeu 255 suspeitos de cometer crimes contra crianças e adolescentes durante 30 dias da Acalento - operação coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) com foco no combate a crimes contra crianças e adolescentes. Desse total, Amapá foi o estado que se destaca regionalmente em números de prisões, 107, e em vítimas atendidas, 768. A região Norte atendeu, no total, 2.310 vítimas de violência. 

Além do Amapá, a atuação integrada das polícias civis de Roraima, Acre, Tocantins, Rondônia, Amazonas e Pará resultou na aplicação de 330 medidas protetivas solicitadas, ministração de 28 palestras e campanhas, 50 mandados de busca e apreensão e 51 menores apreendidos. 

A Operação Acalento ocorreu no período de 13 a de junho a 13 de julho em 25 estados e no Distrito Federal, coordenada pela Secretaria de Operações Integradas (Seopi/MJSP) e executada pelas Polícias Civis dos estados e do DF. Teve como foco investigações de crimes contra crianças e adolescentes, como violência física, violência sexual, exploração, aliciamento, maus tratos, homicídios e outros, com a instauração de procedimentos policiais, cumprimento de mandados judiciais, ações preventivas com campanhas e palestras, entre outras atividades. 

Mais Sobre Justiça

Processo seletivo para estágio no Poder Judiciário de Rondônia: Inscrições podem ser feitas através do site do IEL

Processo seletivo para estágio no Poder Judiciário de Rondônia: Inscrições podem ser feitas através do site do IEL

O Poder Judiciário de Rondônia lançou no começo do mês o edital para seleção de estagiários de nível médio e superior. As inscrições iniciaram no di

Cátia Barros é condenada a 53 anos de prisão pela morte de mulher grávida e criança de 7 anos em Porto Velho

Cátia Barros é condenada a 53 anos de prisão pela morte de mulher grávida e criança de 7 anos em Porto Velho

Após mais de 20 horas de julgamento, em dois dias de sessão, o 1º Tribunal do Júri da comarca de Porto Velho condenou a ré Cátia Barros a 53 anos de

MPT em Rondônia e Acre reserva vagas para pessoas trans, pessoas com deficiência e minorias étnico-raciais em Processo Seletivo de Estágio

MPT em Rondônia e Acre reserva vagas para pessoas trans, pessoas com deficiência e minorias étnico-raciais em Processo Seletivo de Estágio

O Ministério Público do Trabalho em Rondônia e Acre está recebendo inscrições ao Processo Seletivo de Estágio de Nível Superior (graduação) e reser