Porto Velho (RO) domingo, 22 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Justiça

Magistrado de Porto Velho abordará sobre os avanços na legislação que ampara os autistas


Magistrado de Porto Velho abordará sobre os avanços na legislação que ampara os autistas - Gente de Opinião

O juiz de Direito da comarca de Porto Velho, Flávio Henrique de Melo, é um dos convidados especiais do Ciclo de Palestras “Educação Inclusiva na Perspectiva do Autismo”. O evento, promovido pela Associação Movidos pelo Amor ao Autismo (AMMA) acontece no sábado (24), a partir das 14 horas, no auditório do edifício-sede do TJRO. Durante as atividades, o magistrado vai abordar os principais tópicos da lei 13.146/2015, mais conhecida como o Estatuto da Pessoa com Deficiência e a lei 12.764/2012, denominada Lei Berenice Piana, especificamente voltada ao amparo das pessoas acometidas pelo Transtorno de Espectro Autista (TEA).

“A presença dessas duas legislações já é uma evolução se comparado com a matriz de tudo que a Constituição Federal contempla sobre a proteção das pessoas com necessidades especiais. Em 2012 tivemos o advento da Lei Berenice Piana que trata sobre o TEA, e, em 2015 evoluiu-se mais ainda com uma legislação inovadora e ampla no aspecto da proteção dos direitos de políticas sociais e garantias contra essas violações, mas ainda há muito a se evoluir e há diversos trabalhos no sentido de regulamentar toda forma de situação que venha a garantir a efetiva inclusão dessas pessoas”, destaca o magistrado.

Graduado em Direito pela Universidade Católica de Goiás, com MBA em Poder Judiciário pela Fundação Getúlio Vargas, Mestrado Profissional em Poder Judiciário e Doutorado em Ciências Jurídicas pela Univale, o juiz Flávio Henrique de Melo passou a se dedicar ainda mais os estudos referentes as legislações que amparam o direito das pessoas com qualquer tipo de deficiência, após ter o filho mais novo diagnosticado com o Transtorno de Espectro Autista.

Ao longo, do Ciclo de palestras serão abordadas temáticas voltadas a área de saúde e educação, com profissionais de cada um desses setores, relacionando e compartilhando as experiências com crianças e acometidas pelo transtorno. A entrada equivale a doação de um material escolar que será entregue ao Projeto Movidos pelo Amor ao Autismo.

Confira a seguir toda a programação do evento:

1ª Palestra – Legislação e Inclusão: Lei 13.146/15 e 12.764/12 (Lei Berenice Piana): Juiz Flávio Henrique de Melo

2ª Palestra – A importância da afetividade no processo de ensino aprendizagem do aluno com TEA: Psicóloga Janaína Sampaio

3ª Palestra – O papel e a importância do professor mediador e o processo pedagógico inclusivo: Pedagoga Maria Marxlene Bezerra (coordenadora do Projeto Movidos pelo Amor ao Autismo)

4ª Palestra – Os benefícios da fonoaudiologia para a inclusão social: Fonoaudióloga Jamila Quenia (especialista em audiologia)

5ª Palestra – A contribuição da educação física especial aplicado ao TEA: Educadora Física Bárbara Lyra (especialista em psicomotricidade)


Confira o vídeo convite


Duração: 44 segundos | Visualizações: 162

Magistrado de Porto Velho abordará sobre os avanços na legislação que ampara os autistas - Gente de Opinião

Mais Sobre Justiça

Universidade Federal Fluminense abre programa de mestrado em parceria com TRE-RO

Universidade Federal Fluminense abre programa de mestrado em parceria com TRE-RO

A Universidade Federal Fluminense (UFF), em parceria com o Tribunal Regional Eleitoral de Rondônia (TRE-RO) e com o Instituto de Pesquisas Socio

MPF recomenda que agências do INSS em Rondônia modifiquem atendimento ao público

MPF recomenda que agências do INSS em Rondônia modifiquem atendimento ao público

O Ministério Público Federal em Rondônia recomendou às agências do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que adotem medidas urgentes para identif

Lei de prevenção à violência contra a mulher, de autoria de Cristiane Lopes, é sancionada

Lei de prevenção à violência contra a mulher, de autoria de Cristiane Lopes, é sancionada

Foi sancionada no município de Porto Velho, a Lei nº 2649/2019, que cria a Campanha Permanente de Conscientização e Enfrentamento ao Assédio e Vio

Tribunal de Justiça de Rondônia perda de cargo a ex-coordenador de segurança, por ato de improbidade

Tribunal de Justiça de Rondônia perda de cargo a ex-coordenador de segurança, por ato de improbidade

Por unanimidade de votos (decisão colegiada), a 1ª Câmara Especial do Tribunal de Justiça do Estado de Rondônia, presidida pelo desembargador Gilberto