Porto Velho (RO) sexta-feira, 4 de dezembro de 2020
×
Gente de Opinião

Opinião

TEMPO REAL: Programa destaca aprovação de 72% de Roberto Sobrinho


TEMPO REAL: Programa destaca aprovação de 72% de Roberto Sobrinho  - Gente de Opinião

O prefeito Roberto Sobrinho foi o entrevistado do Programa Tempo Real na noite de ontem, quarta-feira (29), na TV Candelária (Record, canal 11 - vídeo AQUI). O principal assunto abordado pelo apresentador Domingues Júnior foi a pesquisa realizada pelo Ibope que aponta a gestão de Roberto Sobrinho com 72% de aprovação. Roberto Sobrinho ainda respondeu perguntas enviadas via SMS pelos telespectadores nas áreas de saúde, trânsito, regularização fundiária e viadutos, dentre outras.

Sobre a pesquisa, Roberto Sobrinho disse que ficou muito feliz, mas atribui o feito às muitas obras, principalmente de drenagem e asfalto realizadas nos mais diversos setores da Capital e nos distritos. Essas obras, de acordo com o prefeito, representam o esforço dos secretários e de todos os servidores municipais, a quem dedicou o resultado da aprovação popular de sua administração à frente da prefeitura. “Por onde andamos, temos sentido a receptividade e o carinho das pessoas”, comentou.

O prefeito informou que o Departamento Nacional de Infraestrutura Terrestre (DNIT) assumiu o compromisso de recuperar todas as ruas da zona Leste, danificadas por carretas e caminhões devido ao desvio por conta de uma cratera na BR-364. “A obra é de responsabilidade do DNIT e eu vou checar se está pronta. Se não fizeram, a Semob vai completar o que precisa ser feito”, garantiu aos moradores.

Hospital Municipal

Roberto Sobrinho informou que o difícil não é construir, mas equipar e manter um hospital do porte do João Paulo II e com 200 leitos. “Para erguer o prédio serão necessários R$ 30 milhões, mas além dos custos com aquisição de equipamentos e móveis, a manutenção ficará em torno de R$ 8 milhões ao mês”, explicou.

Ainda sobre saúde, falou da inauguração das Unidades de Pronto Atendimento (UPAS), no próximo dia 11 de setembro, com a presença do ministro da saúde; ampliação das equipes do Programa de Saúde da Família de 13 para 82 e reforço em toda rede básica de atenção, com construção, reforma e ampliação de novas unidades de saúde.

Trânsito

Na avaliação do prefeito, trata-se de um problema novo vivenciado pela população de Porto Velho, devido ao bom momento econômico. Nos últimos anos, a partir de 2004, a quantidade de veículos saltou de 60 mil para 200 mil, causando congestionamentos e acidentes. Para amenizar a situação, a prefeitura abriu novas ruas, com a Sete de Setembro e Pinheiro Machado e investiu em sinalização. Foram disponibilizados R$ 3 milhões somente para sinalizar a cidade. Houve, ainda, a necessidade e alargar outras vias, como a Rio Madeira, Buenos Aires e Estrada da Penal, além do recapeamento de outras, a exemplo da Calama, Carlos Gomes, Raimundo Cantuária, Nações Unidas e Almirante Barroso.

Escrituras

Roberto Sobrinho informou que já foram entregues 22 mil títulos definitivos de lotes urbanos. Os próximos a receberem serão os moradores dos bairros Areal e Agenor de Carvalho. Um dos grandes problemas enfrentados são os bairros que ocupam áreas que não pertencem ao Município, impedindo que a prefeitura faça a regularização fundiária.

Segundo o prefeito, as obras estão avançando, mas enfrentam dois grandes problemas. Um deles é a mudança da rede elétrica do Trevo do Roque para a Raimundo Cantuária. O outro é a falta de material para revestir a camada asfáltica aplicada sobre a elevação da pista no cruzamento da BR-364 com Avenida Jatuarana. “Tão logo esses obstáculos sejam superados, as obras fluirão com maior rapidez”, declarou.

O grande investimento principalmente para fazer cumprir os horários dos ônibus que fazem o transporte coletivo em Porto Velho é a implantação de GPS nos veículos. Com esse equipamento, a Semtran terá condições de acompanhar, fiscalizar e fazer com que os horários sejam rigorosamente cumpridos pelas empresas.

Flamboyant

Indagado sobre o asfaltamento das ruas do bairro Flamboyant, na zona Leste de Porto Velho, Roberto Sobrinho informou quem o projeto já está pronto e que nos próximos dias a prefeitura vai contratar a empresa que irá executar os serviços.O prefeito ainda disse que vai deixar vários projetos prontos e com recursos garantidos para a próxima gestão. “Esperamos que a próxima administração de Porto Velho dê continuidade a esses projetos”, finalizou.

Fonte: Rondinformação  / Yalle Dantas / Fotografia Edmar Correia

Mais Sobre Opinião

O tribunal europeu (TEDH) dá andamento à queixa "Acção Climática" das crianças portuguesas + Restauração de Portugal independente

O tribunal europeu (TEDH) dá andamento à queixa "Acção Climática" das crianças portuguesas + Restauração de Portugal independente

O TRIBUNAL EUROPEU (TEDH) DÁ ANDAMENTO À  QUEIXA “ACÇÃO CLIMÁTICA” DAS CRIANÇAS PORTUGUESASNo rescaldo de Pedrogão Grande onde o Fogo matou 110 Pessoa

Começou a batalha pela presidência da Câmara em Porto Velho

Começou a batalha pela presidência da Câmara em Porto Velho

Acirra-se a briga pela presidência da Câmara Municipal de Porto Velho. O atual presidente Edwilson Negreiros está articulando um grupo forte para gara

Sua Excelência a abstenção

Sua Excelência a abstenção

Independente de quem saía consagrado das urnas no segundo turno do pleito para a prefeitura de Porto Velho (Hildon Chaves ou Cristiane Lopes), certo

A cidade foi a grande ausente no debate

A cidade foi a grande ausente no debate

Se o Ibope estiver certo em sua aferição, o prefeito Hildon Chaves (PSDB) vai permanecer por mais quatro anos no comando do município de Porto Velho