Porto Velho (RO) domingo, 18 de agosto de 2019
×
Gente de Opinião

Opinião

Salmo da Quaresma



Dom José Maria Maimone, SAC.

Bispo Emérito de Umuarama (PR)
 

Salmo 94 (95)

Entramos na quaresma recebendo a cinza benta. Então nos disseram essas palavras: “Converta e creia no Evangelho” (Cf. Mc 1, 15).


A celebração de abertura do Tempo Quaresmal é um convite à conversão. Por isso a Igreja canta: “Eis o tempo da conversão, eis o dia da salvação!”.

O Salmo 94 é o mais apropriado para rezarmos com fé durante a quaresma que é um tempo especial oferecido por Deus para nossa conversão. Ele nos chama a ouvir a voz de Deus e a nos converter.

A Igreja, nesse tempo, seleciona leituras especiais colocando-as na liturgia de cada dia, procurando através delas despertar os fiéis para uma mudança de vida, para se achegarem mais a Deus, para se recolherem mais em oração, para submeter-se a algumas penitências e abstinências, a fim de suplicar com mais fervor a salvação que vem de Deus.

Neste salmo nos é apresentada a rebeldia do povo da antiga Aliança, principalmente na travessia do deserto: “Não fecheis os corações, como fizeram vossos pais no deserto” (v.8). Deus espera de nós uma atitude diferente. Ele nos chama a reconhecê-lo, aceitá-lo e adorá-lo: “Vinde, prostremo-nos por terra e adoremos reverentes o Deus que nos criou” (v. 6).

Nosso Deus é amor, paz, alegria, felicidade. Por isso o salmo 94, apesar de nos convidar à penitência, sacrifício e oração na busca da conversão, nos convida a fazer tudo com muita alegria e gratidão: “Vinde, exultemos de alegria no Senhor; aclamemos a Deus o rochedo que nos salva. Corramos ao encontro do Senhor e saltando de alegria cantemos nossos hinos agradecendo a Deus” (vv.1-2).

Portanto, com alegria, recebamos o convite que Deus nos faz através da sua Igreja. Vivamos esse tempo de conversão para alcançarmos o dia da salvação!

Fonte: CNBB

 

Mais Sobre Opinião

Meu cargo, minha vida

Meu cargo, minha vida

Bolsonaro se revelou um profundo conhecedor da natureza humana

Cada quadrado no seu quadrado

Cada quadrado no seu quadrado

Os argentinos são como são. E não querem nem aceitam conselhos.

Feliz dia de quem matou os pais!

Feliz dia de quem matou os pais!

Dia em que Suzane von Richthofen e Alexandre Nardoni estão de férias da prisão.

Brasil,  192 anos dos Cursos  Jurídicos  Salve o dia 11 de agosto, dia dos advogados

Brasil, 192 anos dos Cursos Jurídicos Salve o dia 11 de agosto, dia dos advogados

O Brasil, último país a acabar com a escravidão tem uma perversidade intrínseca na sua herança, que torna a nossa classe dominante enferma de desigual