Quinta-feira, 30 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Opinião

Artigo: ONDE FICOU A CORAGEM?


Artigo:  ONDE FICOU A CORAGEM? - Gente de Opinião 


David Nogueira
 


A visita do Presidente Lula a Porto Velho tornou-se marco para a região ocidental da Amazônia. Agendas positivas não faltavam para ele cá vir, entretanto, tínhamos a expectativa de que o Governador Cassol não perderia a oportunidade de dizer na cara do Presidente Lula, e diante de toda a mídia nacional, aquilo que rotineiramente costuma prolatar em suas atividades políticas no Estado. Quem já não ouviu a frase: “o Governo Federal não manda recurso nem para comprar uma ruela furada”? “Nem uma cibalena!” Que o “Governo Lula só fala e não resolve nada!” Que Lula e seu Governo discriminam Rondônia”.... etc, etc...

Quantas vezes ouvimos essas e outras barbaridades mais agressivas contra Lula e seu governo. Era a hora do Homem do Chapéu dizer umas “verdades” para Lula.

Mas a forma arrasadora como os números do Governo Federal foram colocado e diante da verdade dos fatos, Cassol limitou-se ao óbvio. Silêncio e tímidos elogios protocolares.

Como diria Lula, nunca na história de Rondônia se investiu tanto e de forma tão acelerada como no atual Governo Federal.

As obras estruturantes das hidrelétricas marcarão toda a região. São 21,2 bilhões de reais para a construção dos empreendimentos. Cerca de 50 mil empregos diretos e indiretos serão gerados e mais de 2 bilhões de reais em impostos na forma direta e indireta se concretizarão em 5 anos. A linha de transmissão receberá investimento de outros 7,2 bilhões de reais para a entrega da energia, em sistema de transmissão continua, na cidade de Araraquara, SP.

Como não poderia deixar de ser, o município de Porto Velho será fortemente impactado pela movimentação econômica. Diante de tal constatação, medidas compensatórias e mitigadoras precisariam ser postas em ação. Afinal, as obras se justificam, também, na medida em que tragam bem estar a todos.  Nesse ponto, a Senadora Fátima foi fundamental objetivando agregar dois pontos ao projeto: respeito às questões ambientais com a mudança do projeto original, e o atendimento prioritário as pessoas e empresas locais.

Lembremos alguns pontos em andamento. O saneamento com água e esgoto para 100% da cidade significará um investimento de 470 milhões de reais (mais emprego e renda). Aqui, é bom destacar que a parte do Estado será financiada pelo Governo Federal e paga com os royates da energia a ser gerada a partir de 2012. Outros 175 milhões serão aplicados para atendimento as áreas de risco. Com isso, teríamos 645 milhões de reais em investimento direto (emprego, trabalho e renda). A movimentação do prefeito Roberto, da Senadora Fátima e do deputado Valverde possibilitou a ampliação desse capital e hoje já beira a casa dos 732 milhões.

São recursos que gerarão mais de 150 milhões em impostos ao Estado e melhorarão a vida de todos os rondonienses.

Isto sem falar nos 140 milhões para a conclusão das obras de duplicação da BR 364, construção das Marginais e do complexo de viadutos, também ação da Senadora Fátima. Uma obra de visão para resolver o caos em alguns pontos do trânsito na capital e viabilizar o fluxo de mercadorias para Manaus e Pacífico.

Faltou coragem para questionar um governo que aplica e investe no social como nunca. O Bolsa Família atende 96.700 famílias em Rondônia. O Programa de erradicação do Trabalho Infantil atende 13.700 jovens. O Pró-Jovem assiste a 2.900 adolescentes. O Programa de Benefício Continuado apóia 18.200 pessoas portadoras de necessidades especiais e o Programa de apoio ao Idoso atende 13.300 cidadãos. São 33 Centros de Referência Social e outros 14 de atendimento Especial.

Os programas Sociais injetam na economia do Estado 297,3 milhões de reais por ano, sem os quais muitas pessoas estariam em situação social de alto risco.

Agora reflitamos e questionemos juntos: Quanto o Governo do Estado investe no setor? Pergunta embaraçosa, sem dúvida!

A regularização fundiária urbana, iniciativa do nosso prefeito Roberto Sobrinho, é um marco e uma referência de justiça social e de quanto o poder público pode ajudar no resgate da cidadania. Já foram 14.140 escrituras entregues com apoio decisivo do Governo Federal através do Fundo Nacional da Habitação. Isso tem custo financeiro pago por alguém. Pela administração Lula. Mas num governo sério e com consciência social tal ação vira “investimento”.

As Escolas Técnicas Federais e sua transformação em Instituto Tecnológico são também ações fortes da senadora Fátima que injetarão mais 50 milhões em obras e equipamentos nos próximos anos e permitirão a formação de milhares de jovens visando à ocupação dos postos de trabalho que por aqui surgirão.

Não dá para falar de todas as obras do interior e da capital neste espaço, mas seu conhecimento é urgente e imprescindível. Na verdade, e diante deste quadro, a comparação com o Governo Estadual é inevitável em cada município.

Foram dados extremamente consistentes e de divulgação necessária para que a demagogia política não suplante, a partir de agora, as ações efetivas de quem realmente faz a diferença.

A vinda de Lula fez história e muda o rumo de nossa região.

Não há porque não ter orgulho de um Governo Federal assim.

David Nogueira
Professor e Dirigente do PT/RO

Gente de OpiniãoQuinta-feira, 30 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

Sangue novo, vampiros e cuequeiro

Sangue novo, vampiros e cuequeiro

As eleições para a Câmara de Vereadores de Porto Velho se têm caracterizado, de tempos a este, pela presença de políticos bastantes conhecidos da po

Prometer e não cumprir é o esporte preferido de muitos políticos

Prometer e não cumprir é o esporte preferido de muitos políticos

Por mais que nos esforcemos para acreditar no que dizem alguns políticos, não adianta, com o tempo, eles próprios se encarregam de nos lembrar que f

Entre a ilusão e a realidade, brilha a verdadeira vida

Entre a ilusão e a realidade, brilha a verdadeira vida

Era uma vez uma mulher chamada Maria que passava grande parte da sua vida entre o adormecer e o acordar. Nos seus sonhos, Maria encontrava mundos

Eita, que cara sortudo esse Zé Dirceu!

Eita, que cara sortudo esse Zé Dirceu!

A persistência é uma das qualidades que eu mais admiro no ser humano. Tem gente que não desiste de jeito nenhum de lutar por seus ideiais, ainda que

Gente de Opinião Quinta-feira, 30 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)