Porto Velho (RO) terça-feira, 20 de agosto de 2019
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Projeto Rondon dá início aos trabalhos no Canadá



A nigeriana Sope Ogunrinde, de 21 anos, admite: "Pensei que no Brasil só existiam praias e favelas." Agora, depois de três meses aqui, a estudante de Relações Internacionais e Desenvolvimento na Universidade de Regina, província de Saskatchewan, no Canadá, concorda que tinha uma visão distorcida do País escolhido para conhecer por um programa de intercâmbio. Sope é uma dos nove estudantes canadenses participantes do Projeto Rondon/RS Unisc, este ano em sua quarta edição.

A atividade promove a troca entre estudantes brasileiros e canadenses por meio de uma parceria com a organização não-governamental (ONG) Jeunesse Canada Monde (Jovens Canadenses pelo Mundo). Os canadenses e outros nove estudantes da Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc) embarcaram terça-feira para a segunda etapa do projeto, que segue até dezembro no Canadá.

Para Sope, que mora no Canadá desde os 13 anos, depois de nove vivendo nos Estados Unidos, o Brasil foi uma surpresa: mais desenvolvido e com qualidade de vida muito superior ao que pensava. Daqui só havia estudado um pouco da economia, na escola. Em Santa Cruz, trabalhou de forma voluntária na Apae com o colega brasileiro Willian Nunes dando aulas de música, informática e educação física.

"As ações são de cunho educativo baseadas em educação não-formal", explica a supervisora Cristiana Verônica Mueller, da Assessoria para Assuntos Internacionais e Interinstitucionais da Unisc – e que, em 2006, foi uma das participantes. Nas segundas-feiras, os estudantes se envolveram em jornadas educativas sobre assuntos diversos. Nas terças, quartas e quintas atuavam nos projetos sociais em áreas carentes; nas sextas, participavam de atividades comunitárias em grupo e, aos finais de semana, ficavam com as famílias que os abrigaram ou faziam outras ações programadas. 

Os rondonistas – como são chamados os integrantes do projeto – atuam em nove duplas compostas por um aluno de cada país.

Fonte: Gazeta do Sul

Mais Sobre Mundo - Internacional

As mulheres e os homens mais compridos do mundo

As mulheres e os homens mais compridos do mundo

Segundo um estudo feito por 800 cientistas do Imperial College em Londres (1) sobre o desenvolvimento da altura das pessoas adultas nos últimos 100

Dia Mundial do Rock é comemorado neste sábado

Dia Mundial do Rock é comemorado neste sábado

Um senhor de mais de 60 anos, vibrante, contestador, revolucionário e que provoca as mais diversas sensações e reações em quem tem contato com ele ou

Morre Lee Iacocca, o pai do Mustang

Morre Lee Iacocca, o pai do Mustang

Morreu em 2 de julho, aos 94 anos, Lido Anthony "Lee" Iacocca, um dos mais famosos executivos da indústria automobilística. Era filho de imigrantes it

Porto Velho: Inscrições para vagas na escola de música Som na Leste encerram nesta quarta, dia 03

Porto Velho: Inscrições para vagas na escola de música Som na Leste encerram nesta quarta, dia 03

A Escola Municipal de Música Som na Leste divulgou edital para matrícula de novos alunos para o preenchimento de vagas para os cursos no segundo semes