Porto Velho (RO) sexta-feira, 10 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Gov britânico espera receber 10 mil estudantes brasileiros


Kelly Oliveira
Agência Brasil

Brasília – O governo britânico espera receber nos próximos quatro anos 10 mil estudantes brasileiros, por meio do Programa Ciência sem Fronteiras, segundo o embaixador do Reino Unido no Brasil, Alan Charlton. Ele participou hoje (20) das atividades da 9ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia e fez palestra para estudantes interessados em estudar no Reino Unido.Gente de Opinião

Segundo o embaixador, aproximadamente 130 universidades britânicas participam do programa para receber estrangeiros. “A internacionalização das universidades é importante para nossa economia”, disse o embaixador. Ele destacou que, por meio do programa, é possível haver trocas de conhecimento e conexão entre pessoas de diversos países na universidade. Além disso, destacou que os estudantes estrangeiros ajudam a economia local das cidades onde ficam.

O governo britânico tem feito palestras em várias cidades do país para divulgar aos estudantes brasileiros a oportunidade de estudar no exterior.

Até 2015, a expectativa da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), é que 101 mil brasileiros estudem em universidades de todo o mundo, por meio do Ciência sem Fronteiras.

Mais Sobre Mundo - Internacional

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisadores de universidades americanas sugerem que os potenciais infiéis têm um perfil: Apresentam níveis educacionais e financeiros acima da méd

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

Quem pensa que o presidente francês Emmanuel Macron foi o primeiro presidente de uma potência europeia a questionar a soberania brasileira sobre a 

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Dos 183 países integrantes da Organização Mundial da Saúde (OMS), apenas 38 pesquisados pelo organismo, entre eles o Brasil, contam com uma estratégia