Porto Velho (RO) sexta-feira, 5 de junho de 2020
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

FMI adverte para riscos crescentes na economia mundial


Agência O Globo VIENA - Os riscos de uma crise econômica mundial aumentaram visivelmente desde o ano passado. A advertência foi feita nesta terça-feira, em Viena, pelo diretor-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Rodrigo Rato, durante um seminário organizado pela Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), para abordar os desafios do setor petrolífero mundial. De acordo com Rato, ainda que a economia mundial mantenha um bom ritmo de evolução e se espere que continue em crescimento sustentado, atualmente "existem sinais claros de que os riscos são maiores do que há um ano", disse Rato no encontro intitulado "A Opep em uma nova era: desafios e oportunidades". Em um discurso dirigido aos responsáveis pelo setor energético dos principais países produtores de petróleo e altos dirigentes de consórcios petrolíferos internacionais que participam do fórum, Rato alertou para as crescentes pressões inflacionárias derivadas do constante encarecimento do chamado "ouro negro" e de outras matérias-primas. A esses fatores, salientou Rato, somam-se a elevação da taxa de juros e o desaquecimento do mercado imobiliário nos Estados Unidos, que podem desacelerar a economia da maior potência econômica do planeta, com reflexos em todos os países.

Mais Sobre Mundo - Internacional

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisadores de universidades americanas sugerem que os potenciais infiéis têm um perfil: Apresentam níveis educacionais e financeiros acima da méd

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

Quem pensa que o presidente francês Emmanuel Macron foi o primeiro presidente de uma potência europeia a questionar a soberania brasileira sobre a 

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Dos 183 países integrantes da Organização Mundial da Saúde (OMS), apenas 38 pesquisados pelo organismo, entre eles o Brasil, contam com uma estratégia