Porto Velho (RO) segunda-feira, 6 de dezembro de 2021
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

FMI adverte para riscos crescentes na economia mundial


Agência O Globo VIENA - Os riscos de uma crise econômica mundial aumentaram visivelmente desde o ano passado. A advertência foi feita nesta terça-feira, em Viena, pelo diretor-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Rodrigo Rato, durante um seminário organizado pela Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), para abordar os desafios do setor petrolífero mundial. De acordo com Rato, ainda que a economia mundial mantenha um bom ritmo de evolução e se espere que continue em crescimento sustentado, atualmente "existem sinais claros de que os riscos são maiores do que há um ano", disse Rato no encontro intitulado "A Opep em uma nova era: desafios e oportunidades". Em um discurso dirigido aos responsáveis pelo setor energético dos principais países produtores de petróleo e altos dirigentes de consórcios petrolíferos internacionais que participam do fórum, Rato alertou para as crescentes pressões inflacionárias derivadas do constante encarecimento do chamado "ouro negro" e de outras matérias-primas. A esses fatores, salientou Rato, somam-se a elevação da taxa de juros e o desaquecimento do mercado imobiliário nos Estados Unidos, que podem desacelerar a economia da maior potência econômica do planeta, com reflexos em todos os países.

Mais Sobre Mundo - Internacional

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

Em 16 de novembro, durante uma difícil operação de busca e resgate a menos de 30 milhas náuticas da costa da Líbia no Mediterrâneo Central, a equipe

Com avanço nas Américas, Delta é "altamente preocupante", diz Organização Pan-Americana de Saúde

Com avanço nas Américas, Delta é "altamente preocupante", diz Organização Pan-Americana de Saúde

A variante Delta do novo coronavírus é "altamente preocupante", à medida que a mutação tem se espalhado para quase 20 países nas Américas, disseram

Autoridades na Grécia fecham único centro de COVID-19 para refugiados

Autoridades na Grécia fecham único centro de COVID-19 para refugiados

Um centro da organização internacional Médicos Sem Fronteiras (MSF) montado na ilha grega de Lesbos para tratar em isolamento pessoas com COVID-19 foi