Porto Velho (RO) segunda-feira, 8 de agosto de 2022
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Ameaça de tsunami põe região da Rússia em alerta


Renata Giraldi*
Agência Brasil

Brasília – As autoridades da Rússia emitiram hoje (24) alerta de tsunami na região de Sacalina e nas Ilhas Curilas, no extremo oriente do país. Nas duas áreas vivem cerca de 700 mil pessoas de várias etnias, sendo que a russa é uma delas. O alerta foi emitido devido à passagem de um terremoto de magnitude 7,5 na escala Richter, que causou impactos no Mar de Okhotsk.

O Ministério das Situações de Emergência da Rússia apelou, em comunicado, aos habitantes daquelas regiões para que abandonem a zona costeira e procurem refúgio nas áreas mais elevadas.

A expressão tsunami é usada para definir uma série de ondas gigantes, causadas pelo deslocamento de grande volume no mar ou em um lago. O fenômeno ocorre, em geral, como consequência de sismos, erupções vulcânicas e outras explosões submarinas, deslizamentos de terra e movimentos de massa.

Segundo especialistas, condições meteorológicas, como depressões profundas que provocam ciclones tropicais podem gerar uma tempestade, chamada meteotsunami, o que pode elevar as marés a vários metros acima do nível normal.

*Com informações da agência pública de notícias de Portugal, Lusa
 

Mais Sobre Mundo - Internacional

Missão em Israel proporciona grande experiência de fortalecimento comercial com produtos de Rondônia

Missão em Israel proporciona grande experiência de fortalecimento comercial com produtos de Rondônia

Uma missão para um país como Israel, que se reinventou superando adversidades naturais e políticas, torna-se de grande relevância estratégica para est

Em Tel Aviv, potenciais de Rondônia são apresentados para empresários em Missão Internacional do Sebrae

Em Tel Aviv, potenciais de Rondônia são apresentados para empresários em Missão Internacional do Sebrae

A Missão Internacional Israel, promovida pelo Sebrae em Rondônia deve gerar grande frutos em breve. Empreendedores rondonienses compuseram a comitiv

Ômicron deve infectar mais da metade da Europa em 6 a 8 meses, segundo a OMS

Ômicron deve infectar mais da metade da Europa em 6 a 8 meses, segundo a OMS

Mais da metade da população europeia deve ser infectada pela variante Ômicron do coronavírus nas próximas seis a oito semanas, disse nesta terça-fei

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

Em 16 de novembro, durante uma difícil operação de busca e resgate a menos de 30 milhas náuticas da costa da Líbia no Mediterrâneo Central, a equipe