Porto Velho (RO) quinta-feira, 9 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Valverde e ministro Minc estudam medidas pacificadoras para Floresta Bom Futuro


 
Preocupado com possíveis conflitos  fundiários na Floresta Nacional do Bom Futuro, um das unidades de conservação mais devastada do pais, que o deputado Eduardo Valverde (PT/RO), reuniu-se com o Ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, para estudarem um medida pacífica para resolver às questões da degradação da área e dos loteamentos.

A reserva tem tido uma devastação intensa, sobretudo com a extração ilegal de madeira e o desmatamento para loteamentos, organizadas por grileiros.

De acordo com Valverde a situação precisa ser tratada com caltela por que a floresta nacional tem um núcleo urbano já formado, e qualquer remanejamento feito precipitadamente pode dimensionar as lutas.  Há informações que os moradores resistirão à operação da força tarefa composta pelas Polícias Federal, Rodoviária Federal, Força Nacional, Ibama, Incra, Ministério Público Federal, Sedam e Exército.

O  Ministro Minc, informou ao deputado que  ações para contornar e evitar qualquer conflito tem sido feitas pelo ministério. Tanto que um grupo de trabalho formado por técnicos do MMA, do Governo Estadual e da Prefeitura de Porto Velho, vêm efetuando cadastramentos no local, para que com essas informações possam tomar as medidas necessárias. 

De acordo com Minc, o manejo sustentável seja implantado e as comunidades receberão  treinamento adequado. “ Não podemos mexer com essa comunidade indiscriminadamente. Retirá-los de lá não é uma saída viável, são muitas famílias. Precisamos cadastrá-las, localizá-las e criar condições para que o manejo florestal sustentável seja eficaz”, disse.

Para o deputado Valverde é preciso estancar a entrada desenfreada de pessoas, que são atraídas com falsas promessas de loteamento. “Tem sido feito promessas irresponsáveis de loteamentos. Lá é uma unidade de conservação e a extração de madeiras tem sido feita indiscriminadamente“, frisou.

Fonte: Leila Denise

Mais Sobre Meio Ambiente

Ji-Paraná: prefeitura encerra atividade no lixão e passa a utilizar aterro sanitário

Ji-Paraná: prefeitura encerra atividade no lixão e passa a utilizar aterro sanitário

A Prefeitura de Ji-Paraná, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semeia), encerrou nesta segunda feira (06), as atividades no lixão munic

Acordo de R$ 2,7 milhões na Justiça do Trabalho viabilizará projetos sustentáveis em Presidente Médici/RO

Acordo de R$ 2,7 milhões na Justiça do Trabalho viabilizará projetos sustentáveis em Presidente Médici/RO

Um acordo no valor de R$ 2,7 milhões homologado pela Justiça do Trabalho em Ji-Paraná/RO beneficiará projetos sustentáveis que visam o tratamento e re

Rio Madeira ultrapassa os 15 metros, dois a menos que em 2019, afirma Defesa Civil

Rio Madeira ultrapassa os 15 metros, dois a menos que em 2019, afirma Defesa Civil

O rio Madeira atingiu na segunda-feira (9) a cota de 15,24 metros, um pouco acima da média (15 metros), mas longe de uma enchente como a registrada em

Prefeitura de Porto Velho alinha medidas para a realização do Amazônia + 21

Prefeitura de Porto Velho alinha medidas para a realização do Amazônia + 21

O prefeito Hildon Chaves se reuniu no Prédio do Relógio (sede do poder executivo) na manhã desta segunda-feira (09), acompanhado do secretário adjunto