Porto Velho (RO) sexta-feira, 21 de setembro de 2018
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Seminário de Gestão de Resíduos discute coleta seletiva



O Seminário de Gestão de Resíduos de Porto Velho que está discutindo a implantação do novo modelo que deverá ser efetivado pela Prefeitura teve a abertura realizada na manhã de segunda-feira ( 21) no Teatro Banzeiros.Seminário de Gestão de Resíduos discute coleta seletiva - Gente de Opinião

O tema atraiu o interesse da população, que lotou o teatro além das expectativas dos organizadores que esperavam um público de 220 participantes de entidades civis e públicas, mas que obtiveram mais de 300 inscritos.

O novo modelo que já é fruto da Política Nacional de Resíduos Sólidos ( PNRS) sancionada pelo governo Lula ao final do mandato, prevê a instalação da coleta seletiva, de um aterro sanitário, de uma usina de compostagem de lixo, além de buscar o fomento econômico do setor criando condições para que os cooperativas de catadores sejam inseridas no mercado com condições de melhorarem sua renda, favorecendo a inclusão social.

O titular da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMA), o economista José Gadelha disse na abertura do evento que “o novo modelo a ser implantado no município, além dos aspectos de melhoria do ponto de vista ambiental, social e econômico, está também despertando a atenção de todos para a questão do cuidar da cidade e do planeta, uma vez que ela contribui com o meio ambiente, com a limpeza da cidade, com a geração de renda e a inclusão social melhorando a vida de Porto Velho como um todo” frisou o secretário, no que foi acompanhado pelo secretário Jair Ramires, também presente.

Os trabalhos do Seminário vão ter continuidade hoje e amanhã, no Teatro Banzeiros das 8H30 até as 18H. A programação das palestras e oficinas pode ser acessada pelo site www.gestaoderesiduospvh.com.br , quem quiser participar ainda pode acompanhar a discussão nas oficinas que tomarão todo o dia de amanhã.

Fonte: Alex Sakai / Renata Silva
 

Mais Sobre Meio Ambiente

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

O Sistema Cantareira, que abastece parte da capital paulista e da Região Metropolitana, estava com quase 60% da capacidade um ano antes da crise de 20

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Agentes reguladores estão avaliando a medida provisória

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Um grupo de 30 crianças da Fundação JiCred plantou mudas de ipê e flamboyant no Parque Ecológico Municipal. A ação foi realizada pelo Sistema Cooperat