Porto Velho (RO) quinta-feira, 20 de setembro de 2018
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Rioterra estuda recuperação de matas ciliares



Técnicos do Centro de Estudos Rioterra acompanham o desenvolvimento das mudas plantadas nos experimentos do Projeto Semeando Sustentabilidade, patrocinado pela Petrobras através do Programa Petrobras Ambiental. O monitoramento deve gerar conhecimentos para ações de recuperações de áreas degradadas em matas ciliares. São pesquisadas mais de 35 espécies nativas da floresta Amazônica, em três tipos de solos, numa área de 36 hectares. Todos situados em propriedades de agricultura familiar no entorno da Floresta Nacional do Jamari, nos municípios de Itapuã do Oeste e Cujubim.

O objetivo dos estudos é gerar informações para recuperação de áreas de preservação permanente (APPs) em locais da Amazônia com as mesmas características físicas dos locais dos experimentos. Todas as etapas do plantio, assistência técnica e monitoramento são custeadas pelo projeto.

O agricultor Ironal da Silva, da Linha 107, em Cujubim, é um dos beneficiados. Ele destaca a importância desses estudos para o fortalecimento das pequenas propriedades do entorno da Flona do Jamari. Cultivador de côco e abacaxi, produz em larga escala e, para isso, necessita fazer irrigação das plantações.

A fonte de água da propriedade de Ironal é um igarapé em processo de assoreamento devido a supressão da mata ciliar. O agricultor tinha planos de recuperar as matas ciliares, mas o custo elevado não permitia. Considera que, os agricultores precisam se conscientizar da importância desse projeto, para a recuperação das fontes de água, pois isso traz benefícios a todos.

Apesar de já ter as áreas experimentais selecionadas a Rioterra continuará com os cadastramentos. Estes habilitam aos produtores acesso gratuito às mudas e assistência técnica. Os interessados devem dirigir-se ao Viveiro Municipal de Itapuã do Oeste.

Fonte: Solano Feirreira


 

Mais Sobre Meio Ambiente

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

O Sistema Cantareira, que abastece parte da capital paulista e da Região Metropolitana, estava com quase 60% da capacidade um ano antes da crise de 20

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Agentes reguladores estão avaliando a medida provisória

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Um grupo de 30 crianças da Fundação JiCred plantou mudas de ipê e flamboyant no Parque Ecológico Municipal. A ação foi realizada pelo Sistema Cooperat