Porto Velho (RO) quarta-feira, 19 de setembro de 2018
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Rio Guaporé ultrapassa 7 metros e engole parte de Pimenteiras do Oeste (RO)


 
As águas do rio Guaporé invadiram um rio que corta Pimenteiras do Oeste levando pânico e estragos para toda a cidade. As aulas foram suspensas e há desabrigados.

Daniel Panobianco - O nível do rio Guaporé subiu muito nesta sexta-feira no sul de Rondônia. Com isso, boa parte de Pimenteiras do Oeste voltou a ficar debaixo d' água, desta vez com proporções muito mais severas que na última enchente do inicio de março.

O prefeito municipal Carlos Rogério Rodrigues (PPS), disse que a cidade está em Estado de Emergência novamente. Há menos de 30 dias, o município já havia entrado em Estado de Calamidade Pública devido à enchente, mas desta vez o nível do rio Guaporé subiu muito e em pouco tempo.

O principal ponto de alagamento em Pimenteiras é no rio Santa Cruz, que corta a zona urbana, mas como o nível do rio Guaporé está muito mais elevado o efeito de deságüe das águas é retrógrado. Ao invés das águas do rio Santa Cruz desaguarem no Guaporé, a enchente na fronteira com a Bolívia acaba trazendo a água no sentido contrário.

A última medição da estação telemétrica da ANA (Agência Nacional de Águas) enfocou nível de 7,01 metros, um recorde desde o ano de 2006, quando a cidade também foi inundada, embora com menos gravidade.

As aulas na cidade e na zona rural foram suspensas por medida de segurança. A prefeitura municipal está auxiliando os desabrigados e pede ajuda ao restante do Estado que enviem mantimentos, uma vez que essa é a pior enchente já vista na região. Na zona rural, não há como trafegar por diversas estradas e o serviço de coleta de leite, principalmente, está comprometido.

Dados: ANA - Prefeitura Municipal de Pimenteiras do Oeste - Rádio Crystal FM
Fonte: AMAZONIAOVIVO.COM

Mais Sobre Meio Ambiente

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

O Sistema Cantareira, que abastece parte da capital paulista e da Região Metropolitana, estava com quase 60% da capacidade um ano antes da crise de 20

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Agentes reguladores estão avaliando a medida provisória

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Um grupo de 30 crianças da Fundação JiCred plantou mudas de ipê e flamboyant no Parque Ecológico Municipal. A ação foi realizada pelo Sistema Cooperat