Porto Velho (RO) segunda-feira, 24 de setembro de 2018
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Prejuízo de R$ 12,4 milhões nas comunidades de Rio Branco


Relatório parcial elaborado em conjunto pela Secretaria Municipal de Floresta e Agricultura (Safra), Defesa Civil e Governo do Estado aponta prejuízo de cerca de R$12,4 milhões na produção agrária de 16 comunidades rurais de Rio Branco por conta da cheia do Rio Acre e seus afluentes. Principalmente os plantios de mandioca, banana, grãos e frutas se perderam com a alagação dos roçados.

O relatório abrange as comunidades do Bagaço, Água Preta, Barro Alto, Belo Jardim 1, 2 e 3, Benfica Ribeirinho, Catuaba, Extrema, Liberdade, Limoeiro, Moreno Maia, Moreno Maia, Barro Alto e Água Preta. Em geral, as informações foram obtidas junto às associações de moradores e há comunidades que possuem mais de uma associação.

Produtor que trabalhava com piscicultura teve 100% de prejuízo, indica o levantamento. Somando-se essa atividade à pecuária (criação de pequenos animais, como aves, suínos e ovinos) o prejuízo é de R$ 310.160,00.

O documento foi apresentado pela equipe da Safra (Jorge Rebolças, Mário Jorge Fadel e Paulo Sergio Braña) ao prefeito Raimundo Angelim em reunião que contou com a presença do secretário de Estado de Agricultura e Pecuária, Mauro Ribeiro, e, quando concluído, será encaminhado ao Governo Federal como Relatório de Avaliação de Danos (Avadan) “É uma situação muito delicada”, avaliou o titular da Safra, Jorge Fadel.

Fonte: Agência de Notícias do Acre

Mais Sobre Meio Ambiente

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

O Sistema Cantareira, que abastece parte da capital paulista e da Região Metropolitana, estava com quase 60% da capacidade um ano antes da crise de 20

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Agentes reguladores estão avaliando a medida provisória

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Um grupo de 30 crianças da Fundação JiCred plantou mudas de ipê e flamboyant no Parque Ecológico Municipal. A ação foi realizada pelo Sistema Cooperat