Porto Velho (RO) sexta-feira, 3 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Porto Velho a capital que mais desperdiça água, 78,8%


A água perdida em vazamentos, fraudes e submedições nas 27 capitais brasileiras seria suficiente para atender o consumo diário de 38 milhões de pessoas. Os números são de estudo do Instituto Socioambiental (ISA) que será divulgado na quarta-feira (21). As perdas atingem, em média, 45% do volume retirado dos mananciais que abastecem os centros urbanos.

Para Marussia Whately, coordenadora da campanha De Olho nos Mananciais, promovida pelo ISA, os números reacendem a necessidade de um trabalho de conscientização sobre o uso racional de um bem cuja escassez pode trazer grandes transtornos à humanidade. Segundo ela, o cidadão precisa entender que pequenas atitudes fazem grande diferença na economia de água.

“Fechar a torneira ao escovar o dente ou fazer a barba e consertar rapidamente pequenos vazamentos que surgem em casa podem gerar grande economia e ajudar a preservação da água”, afirma Marussia. “Tudo é uma questão de mudança de hábitos.”

No ranking do desperdício, duas capitais distantes e de perfil distintos se destacam. Em volume, o Rio de Janeiro lidera as perdas diárias, que equivalem a 618 piscinas olímpicas. Em percentual, no entanto, a primeira posição fica com Porto Velho (RO), que joga fora 78% do que retira dos mananciais.

Na maior cidade do país, é o consumo per capita que impressiona. O valor médio de 221 litros diários consumidos por habitante em São Paulo é o dobro do nível considerado ideal pela Organização das Nações Unidas.

Segundo Marussia, além de promover campanhas de conscientização, o Poder Público deve adotar instrumentos de compensação para os moradores que protegem e contribuem para a produção de água de boa qualidade. “Um bom exemplo é o município de Extrema, em Minas Gerais, onde uma legislação municipal permite que a prefeitura pague pela proteção de áreas, dando benefício para proprietários com a isenção de impostos”, ressalta. - Fonte: Agência Brasil

Porto Velho a  capital que mais desperdiça água, 78,8% - Gente de Opinião
Falta de seneamento afeta um terço dos moradores das capitais

Mais Sobre Meio Ambiente

Acordo de R$ 2,7 milhões na Justiça do Trabalho viabilizará projetos sustentáveis em Presidente Médici/RO

Acordo de R$ 2,7 milhões na Justiça do Trabalho viabilizará projetos sustentáveis em Presidente Médici/RO

Um acordo no valor de R$ 2,7 milhões homologado pela Justiça do Trabalho em Ji-Paraná/RO beneficiará projetos sustentáveis que visam o tratamento e re

Rio Madeira ultrapassa os 15 metros, dois a menos que em 2019, afirma Defesa Civil

Rio Madeira ultrapassa os 15 metros, dois a menos que em 2019, afirma Defesa Civil

O rio Madeira atingiu na segunda-feira (9) a cota de 15,24 metros, um pouco acima da média (15 metros), mas longe de uma enchente como a registrada em

Prefeitura de Porto Velho alinha medidas para a realização do Amazônia + 21

Prefeitura de Porto Velho alinha medidas para a realização do Amazônia + 21

O prefeito Hildon Chaves se reuniu no Prédio do Relógio (sede do poder executivo) na manhã desta segunda-feira (09), acompanhado do secretário adjunto

Policiais Militares do Batalhão Ambiental participam de oficina sobre Crimes Ambientais de Menor Potencial Ofensivo

Policiais Militares do Batalhão Ambiental participam de oficina sobre Crimes Ambientais de Menor Potencial Ofensivo

Sessenta Policiais Militares do Batalhão de Polícia Ambiental, de todo o Estado, participaram na manhã desta sexta-feira (28/2) da Oficina sobre