Porto Velho (RO) quarta-feira, 22 de maio de 2019
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Nota à Imprensa sobre Barragens em Machadinho D’Oeste


Nota à Imprensa sobre Barragens em Machadinho D’Oeste - Gente de Opinião

A Metalmig Mineração Industria e Comércio S/A, vem a público esclarecer que, suas barragens encontram-se intactas e seguem um rigoroso padrão de segurança recomendado pela SEDAM e pela Agência Nacional de Mineração (ANM).

As chuvas na região de Machadinho D’Oeste ocasionaram um transtorno para a população, as águas que levaram diversas pontes e bueiros, não tem correlação com as barragens da empresa.

A Metalmig Mineração está colaborando com as autoridades ambientais Municipal, Estadual e Federal, frisamos que os incidentes ocorridos na região não têm correlação com as barragens da empresa que estão em perfeito e intacto estado de preservação e segurança.

Metalmig Mineração Industria e Comércio S/A

Mais Sobre Meio Ambiente

ABELHAS: Três motivos para começar a criar nativas sem ferrão

ABELHAS: Três motivos para começar a criar nativas sem ferrão

A criação de abelhas nativas sem ferrão oferece uma série de benefícios ao produtor, que pode utilizar de seus produtos (mel, pólen e própolis) e simu

Escola Cora Coralina é escolhida pela FSP para receber curso de Boas Práticas em Ambientes de Manipulação de alimentos

Escola Cora Coralina é escolhida pela FSP para receber curso de Boas Práticas em Ambientes de Manipulação de alimentos

A escola municipal Cora Coralina de Rolim de Moura (RO) foi escolhida pela Faculdade São Paulo (FSP) para receber uma palestra (método de avaliação

Hidrelétrica Santo Antônio doa resíduos recicláveis para cooperativas

Hidrelétrica Santo Antônio doa resíduos recicláveis para cooperativas

Hoje, 17 de maio, é o Dia Mundial da Reciclagem. Atenta à importância do tema, a Hidrelétrica Santo Antônio firmou uma parceria com a Prefeitura de Po

Rondônia: Projeto inédito de compensação de carbono leva melhorias socioambientais à comunidade extrativista

Rondônia: Projeto inédito de compensação de carbono leva melhorias socioambientais à comunidade extrativista

É possível viver em harmonia em comunidade e com o meio ambiente. A afirmação é de José Pinheiro Borges, presidente da Associação de Moradores da Rese