Porto Velho (RO) sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Ministra do Meio Ambiente crê no diálogo para superar diferenças em torno do Código Florestal



Yara Aquino
 Agência Brasil


Brasília – A ministra do Meio Ambiente, Izabela Teixeira, está convicta de que o diálogo político entre o governo e o Senado será capaz de corrigir imperfeições no texto do Código Florestal aprovado na Câmara dos Deputados. “Tenho a firme convicção de que o diálogo político levará a soluções próprias em torno de uma legislação ambiental forte, que não seja questionável, que ajude a regularizar situações do passado e crie bases para uma agricultura e manejo florestal sustentáveis. Tenho convicção de que o diálogo vai conseguir corrigir eventuais imperfeições”.

A declaração da ministra foi feita após um evento preparatório da Conferência das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, no Palácio do Planalto. A presidenta Dilma Rousseff, em discurso, afirmou que não irá “negociar a questão do desmatamento”, sem fazer uma referência direta às discussões em torno da aprovação do Código Florestal. Segundo a ministra, a declaração de Dilma foi a confirmação do compromisso assumido por ela de não permitir o desmatamento no país.

Sobre o decreto que prorrogou até o dia 11 de junho o prazo de suspensão de multas dos produtores rurais, a ministra se limitou a responder que o assunto está sendo tratado internamente e que ainda esta semana haverá uma reunião no Palácio do Planalto para tratar do tema. Com o fim do prazo do Decreto 7.029/09, milhares de produtores rurais estariam enquadrados

 

Mais Sobre Meio Ambiente

Colaboradores do Sistema Fecomércio/RO participam da 4º etapa de implantação do Programa ECOS de Sustentabilidade

Colaboradores do Sistema Fecomércio/RO participam da 4º etapa de implantação do Programa ECOS de Sustentabilidade

Colaboradores do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac/IFPE, participaram no auditório da Federação durante dois dias, da 4° etapa da implantação do programa

Barragens de minérios: Onde estão as outras com alto potencial de estrago ou alto risco

Barragens de minérios: Onde estão as outras com alto potencial de estrago ou alto risco

O Brasil tem 790 barragens de rejeitos de minérios, e mais de 300 delas não foram classificadas em relação ao seu risco de rompimento e ao potencial d

Porto Velho: Prefeitura destrava recurso de compensação social para Aterro Sanitário

Porto Velho: Prefeitura destrava recurso de compensação social para Aterro Sanitário

Os R$ 4 milhões também servirão para elaborar o Plano Municipal de Saneamento Básico e o Plano de Gerenciamento de Resíduos SólidosMais uma vitória im

Brumadinho: Qualidade da água do rio Paraopeba é considerada ruim. Veja as imagens

Brumadinho: Qualidade da água do rio Paraopeba é considerada ruim. Veja as imagens

Ontem (31/01), a Fundação SOS Mata Atlântica deu início à Expedição Paraopeba, que irá percorrer 356 km deste rio, de Brumadinho à Hidroelétrica Retir