Porto Velho (RO) segunda-feira, 30 de março de 2020
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Europeus vão doar R$ 15 milhões para combater desmatamento na Amazônia



Leandro Martins
Agência Brasil

Brasília - O Ministério do Meio Ambiente e a Comunidade Européia assinaram hoje (2) um projeto de cooperação técnica que irá contribuir para a prevenção e o controle do desmatamento na região da BR-163, estrada que liga Cuiabá (MT) a Santarém (PA). O projeto prevê também a implementação de alternativas econômicas para as populações que vivem na região.

O documento assinado hoje, chamado “Manejo florestal, apoio à produção sustentável e fortalecimento da sociedade civil na Amazônia Brasileira”, estima investimentos de 5,8 milhões de euros, o que corresponde a quase R$ 15 milhões.

Para o ministro Carlos Minc, a iniciativa será importante para dar sustentabilidade à região."Esse projeto apóia manejo florestal, ou seja, a possibilidade de comunidades e empresas usarem a madeira sem destruir, de tal forma que daqui a 30 anos a floresta esteja do mesmo tamanho", afirmou.

Ainda segundo o ministro, a iniciativa "apóia projetos comunitários de produtos não madeireiros, por exemplo, seivas, resinas, óleos, reflorestamento, recuperação de áreas degradadas, diminuição das emissões, manejo florestal, tecnologias limpas".

O projeto é apoiado pela Organização das Nações Unidas para a Agricultura (FAO), que se compromete a fornecer apoio técnico.

Para Minc, a defesa da Amazônia é vista com interesse porque outros países enxergam a oportunidade como um "seguro de vida".

"Muitos desses países, como é o caso da Noruega, vêem a defesa da Amazônia como um seguro de vida. São países muito próximos das geleiras e, seguramente, se intensificar o ritmo dos derretimentos, serão os primeiros a submergirem."

O chefe da delegação da Comunidade Européia, embaixador João Pacheco, afirmou que o interesse dos europeus é auxiliar a política brasileira de redução de danos ambientais.

"São projetos em que nós nos inserimos numa política do governo brasileiro, e portanto nós estamos apoiando essa política, que acreditamos que é preciso fazer essas ações: reduzir o desmatamento, que se crie um desenvolvimento sustentável, que haja o manejo sustentável da floresta."

De acordo com o ministro, as ações previstas no documento devem ter início no próximo ano.
 

Mais Sobre Meio Ambiente

Acordo de R$ 2,7 milhões na Justiça do Trabalho viabilizará projetos sustentáveis em Presidente Médici/RO

Acordo de R$ 2,7 milhões na Justiça do Trabalho viabilizará projetos sustentáveis em Presidente Médici/RO

Um acordo no valor de R$ 2,7 milhões homologado pela Justiça do Trabalho em Ji-Paraná/RO beneficiará projetos sustentáveis que visam o tratamento e re

Rio Madeira ultrapassa os 15 metros, dois a menos que em 2019, afirma Defesa Civil

Rio Madeira ultrapassa os 15 metros, dois a menos que em 2019, afirma Defesa Civil

O rio Madeira atingiu na segunda-feira (9) a cota de 15,24 metros, um pouco acima da média (15 metros), mas longe de uma enchente como a registrada em

Prefeitura de Porto Velho alinha medidas para a realização do Amazônia + 21

Prefeitura de Porto Velho alinha medidas para a realização do Amazônia + 21

O prefeito Hildon Chaves se reuniu no Prédio do Relógio (sede do poder executivo) na manhã desta segunda-feira (09), acompanhado do secretário adjunto

Policiais Militares do Batalhão Ambiental participam de oficina sobre Crimes Ambientais de Menor Potencial Ofensivo

Policiais Militares do Batalhão Ambiental participam de oficina sobre Crimes Ambientais de Menor Potencial Ofensivo

Sessenta Policiais Militares do Batalhão de Polícia Ambiental, de todo o Estado, participaram na manhã desta sexta-feira (28/2) da Oficina sobre