Porto Velho (RO) sábado, 14 de dezembro de 2019
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Empresária de Ariquemes aposta na reciclagem em supermercado

O Sebrae em Rondônia apoia iniciativas sustentáveis e de proteção ao meio ambiente


Empresária de Ariquemes aposta na reciclagem em supermercado  - Gente de Opinião

O descarte do lixo já foi um problema no supermercado administrado pela empresária Queila Gomes de Almeida, em Ariquemes. As lixeiras abarrotadas e o cheiro forte não fazem mais parte do dia-a-dia da empresa. O problema só foi superado com a adoção de boas práticas de sustentabilidade ambiental.


Papel, plástico, restos de verduras e legumes e todo o lixo produzido pela empresa iam direto para os containers, que nem sempre eram recolhidos pelo serviço público de limpeza. O acúmulo desse lixo produzia mau cheiro e muito volume.


PAPELÃO

Para superar a problemática do descarte adequado do lixo, a Queila, ao longo dos últimos anos, passou a adotar medidas simples, mas que fizeram toda a diferença. “O primeiro material a mandarmos para a reciclagem foi o papelão. Nossos funcionários já deixam as caixas dobradas, para fazer menos volume, e separam o papelão para ele não ser sujo por outros materiais, como óleo ou produtos líquidos, assim destinamos esse material para a coleta seletiva.”, destaca.


PLÁSTICO

No Supermercado Revelação, localizado no Setor Cinco, os plásticos possuem duas destinações. Primeiro, aqueles que podem ser reaproveitados no próprio estabelecimento, como sacos de cebola, sacos e sacolas grandes são separados. Os demais produtos de plástico são destinados para uma fábrica de reciclagem, que transforma o que iria para o lixo em novas sacolas plásticas.


ÓLEO DE COZINHA

Responsável por entupir as tubulações e contaminar o meio ambiente, o óleo utilizado nas frituras e na cozinha da padaria do supermercado também tem destinação especial. O líquido é descartado em tonéis e depois enviado para uma indústria de fabricação de sabão, em Ariquemes.


OSSOS

A Queila conta que os resíduos do açougue também geravam problema, porque depois de descartados nas lixeiras acumulavam-se insetos e deixavam cheiro forte. “Agora todos os ossos são separados e destinados para uma indústria de Cacoal, que vem recolher os ossos aqui no supermercado.”, afirma.


VISÃO DE SUSTENTABILIDADE

A Queila já participou de palestras e cursos do Sebrae e participou do programa Pró-Pan (para modernização das padarias) e diante das informações que foi recebendo percebeu a importância da boa relação da sua empresa com o meio ambiente “Eu sempre tive a consciência de que era importante preservar o meio ambiente. Aos poucos fomos melhorando nossa relação com a natureza”, destaca.


Essa visão é repassada aos colaboradores. Para o Clóvis dos Santos Fumagalli, hoje, separar os resíduos para serem destinados à reciclagem já faz parte da rotina da empresa. “Todos os colaboradores já sabem que precisam separar o lixo corretamente. Os novos funcionários já observam essa conduta e nos ajudam a manter esse trabalho”, resume.


O analista técnico do Sebrae, Felipe Kreuz, explica que o Sebrae também pode ser parceiro dos donos de pequenos negócios por de suas consultorias e do Sebraetec, com ajuda para o licenciamento ambiental da atividade e outras necessidades consoantes à legislação ambiental. 

Mais Sobre Meio Ambiente

MPF recomenda que Ibama não emita licença ambiental para Hidrelétrica Tabajara

MPF recomenda que Ibama não emita licença ambiental para Hidrelétrica Tabajara

O projeto da Hidrelétrica de Tabajara prevê a construção de uma barragem no rio Ji-Paraná (também chamado de rio Machado), em Machadinho D'Oeste

Sebrae em Rondônia reduz impactos ambientais

Sebrae em Rondônia reduz impactos ambientais

O Sebrae em Rondônia tem em seus quadros um comitê de sustentabilidade que adota procedimentos de conservação e geração de energia elétrica, com a

Desmatamento em área de reserva de Rondônia é denunciado pela União dos Proprietários de Imóveis Rurais do Setor Manoa, Gleba Rio Preto e Jaquirana

Desmatamento em área de reserva de Rondônia é denunciado pela União dos Proprietários de Imóveis Rurais do Setor Manoa, Gleba Rio Preto e Jaquirana

Uma área na Floresta Amazônica está sendo desmatada e destruída por invasores nos municípios de Porto Velho, Candeias do Jamari, Cujubim e Machadino D

Mais de 2 toneladas de lixo são retiradas do Rio Machado

Mais de 2 toneladas de lixo são retiradas do Rio Machado

Mais de duas toneladas de lixo foram recolhidas das margens do Rio Machado no último fim de semana, nos dias 15 e 16, em Ji-Paraná. A ação foi reali