Porto Velho (RO) sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Embrapa realiza II Congresso Brasileiro de Pesquisa em Pinhão Manso


Nos dias 29 e 30 de novembro, a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e a Associação Brasileira dos Produtores de Pinhão Manso (ABPPM), promovem o II Congresso Brasileiro de Pesquisa em Pinhão Manso, em Brasília (DF). No evento, que conta com o apoio do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento,

Embrapa realiza II Congresso Brasileiro de Pesquisa em Pinhão Manso - Gente de Opinião
Pinhão manso é uma das espécies com maior potencial para produção de biodiesel/Foto: Daniel Medeiros

serão mostrados os avanços dos últimos dois anos de pesquisas sobre o cultivo da oleaginosa e a utilização dela na produção de biocombustíveis. Entre as discussões estão, ainda, os avanços científicos da cultura nas áreas de melhoramento genético, sistema de produção, mecanização e sustentabilidade para produção de biocombustíveis no Brasil e exterior.

Durante o encontro, representantes do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, do Ministério do Desenvolvimento Agrário, de universidades e de unidades da Embrapa falarão sobre os trabalhos que estão desenvolvendo para viabilizar a fabricação de biocombustíveis a partir do pinhão manso, uma das espécies com maior potencial para obtenção de óleo para biodiesel. O Congresso contará também com a participação de especialistas estrangeiros, que apresentarão os resultados obtidos com a cultura em países como Estados Unidos, México, Colômbia e Holanda.

Uma das palestras do Congresso é do pesquisador da Embrapa Rondônia, Rodrigo Barros Rocha. Ele vai falar sobre o tema “Mérito agrícola do cultivo de pinhão manso no estado de Rondônia”. De acordo com os estudos realizados, a oleaginosa tem apresentado boa adaptação ao clima tropical com chuvas abundantes e período seco bem definido. “O clima seco bem definido, entre os meses de abril e setembro, e as chuvas abundantes na estação chuvosa favorecem a antecipação da colheita na região, que ocorre nos meses de dezembro e janeiro, o que contribui para diminuir os danos das principais pragas desse cultivo”, explica Rodrigo.

O público estimado do Congresso é de 500 participantes, entre pesquisadores, técnicos, professores, representantes governamentais, produtores, extensionistas, empresários e estudantes.

Pinhão manso

O pinhão manso possui elevado potencial de rendimento de grãos e óleos. É uma cultura que não concorre diretamente com a agricultura de alimentos e, em sua fase inicial, permite o cultivo em consórcio com outras culturas. Por esses motivos, a oleaginosa é considerada uma cultura potencial para atender ao Programa Nacional de Produção de Biodiesel.

Fonte: Kadijah Suleiman

Mais Sobre Meio Ambiente

Colaboradores do Sistema Fecomércio/RO participam da 4º etapa de implantação do Programa ECOS de Sustentabilidade

Colaboradores do Sistema Fecomércio/RO participam da 4º etapa de implantação do Programa ECOS de Sustentabilidade

Colaboradores do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac/IFPE, participaram no auditório da Federação durante dois dias, da 4° etapa da implantação do programa

Barragens de minérios: Onde estão as outras com alto potencial de estrago ou alto risco

Barragens de minérios: Onde estão as outras com alto potencial de estrago ou alto risco

O Brasil tem 790 barragens de rejeitos de minérios, e mais de 300 delas não foram classificadas em relação ao seu risco de rompimento e ao potencial d

Porto Velho: Prefeitura destrava recurso de compensação social para Aterro Sanitário

Porto Velho: Prefeitura destrava recurso de compensação social para Aterro Sanitário

Os R$ 4 milhões também servirão para elaborar o Plano Municipal de Saneamento Básico e o Plano de Gerenciamento de Resíduos SólidosMais uma vitória im

Brumadinho: Qualidade da água do rio Paraopeba é considerada ruim. Veja as imagens

Brumadinho: Qualidade da água do rio Paraopeba é considerada ruim. Veja as imagens

Ontem (31/01), a Fundação SOS Mata Atlântica deu início à Expedição Paraopeba, que irá percorrer 356 km deste rio, de Brumadinho à Hidroelétrica Retir