Porto Velho (RO) segunda-feira, 6 de julho de 2020
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Em Rondônia, projeto Plantar realiza maior operação de recuperação de áreas do país


Em Rondônia, projeto Plantar realiza maior operação de recuperação de áreas do país - Gente de Opinião

Iniciado há quase um ano, o projeto Plantar iniciou no último mês uma nova fase, com a entrega de materiais para correção de solo e isolamento das áreas que serão recuperadas. São cerca de 1.000 hectares em quase 530 propriedade da agricultura familiar nos 12 municípios que integram o projeto.

Esta é a maior operação de recuperação de áreas degradadas e/ou alteradas do país, reforça Alexis Bastos, coordenador de Projetos do Centro de Estudos Rioterra, executor do projeto em cooperação com a Ação Ecológica Guaporé – Ecoporé e Federação dos Trabalhadores na Agricultura de Rondônia, em parceria com a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Ambiental – Sedam e apoio financeiro do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social – BNDES através do Fundo da Amazônia.

O projeto é pioneiro no país e, frente aos altos índices de desmatamento na Amazônia, a recuperação de áreas e implementação de sistemas agroflorestais são ações que visam equilibrar a balança de emissões de CO2 pela prática. Para além disso, estão os ganhos de outros serviços ambientais, uma vez que o ciclo de carbono passa pela água, pela floresta e pelo ar. 


Nesta fase do projeto, os agricultores beneficiários recebem calcário e adubo para correção de solo e, ainda, material para isolamento (madeira, catraca e arame), para o caso de propriedades com atividade pecuária.

Para a logística de entrega desses materiais, o projeto conta com o apoio das prefeituras, com veículos e servidores que auxiliam no processo e espaço para estocagem. São elas as prefeitura de Itapuã do Oeste, Cujubim, Machadinho D’Oeste, Rio Crespo; Ariquemes; Jaru, Ouro Preto do Oeste; Ji-paraná; Presidente Médici, Castanheiras, Novo Horizonte do Oeste e Rolim de Moura.

A próxima fase do projeto será a distribuição de mudas, a partir do mês de novembro, início do período chuvoso na região. 

Agroecologia

Todas as famílias cadastradas já contam com a assistência técnica e extensão rural, onde recebem orientação quanto aos cultivos existentes na propriedade. O trabalho é pautado por práticas agroecológicas para melhorar a produção e reduzir a utilização de defensivos ou adubos químicos, sempre priorizando soluções orgânicas e naturais. Essas técnicas não só reduzem os custos da produção, mas melhoram questões ligadas a segurança alimentar das famílias.

Em Rondônia, projeto Plantar realiza maior operação de recuperação de áreas do país - Gente de Opinião

Mais Sobre Meio Ambiente

Garimpagem: o grande vilão

Garimpagem: o grande vilão

Além das hidrelétricas, da queda natural gerada pelo fluxo das águas, da forte trepidação dos potentes motores dos empurradores de balsas, um outro  p