Porto Velho (RO) quarta-feira, 1 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

CPTEC/INPE adverte para chuva significativa em RO


Alerta de instituto enfoca para acumulados significativos de precipitação em 15 Estados brasileiros, incluindo o Distrito Federal. Em algumas localidades, o volume pode ser muito expressivo.

Daniel Panobianco – O CPTEC/INPE (Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos) do (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) adverte em seus boletins de alerta para a possibilidade de chuva forte neste inicio de semana em pelo menos 15 Estados, incluindo o Distrito Federal. O informativo enfoca na possibilidade de chuvas fortes em pontos localizados, com ocorrência de trovoadas, rajadas de vento e granizo em Estados mais sulinos. Na região Amazônica, incluindo Rondônia, o alerta adverte para elevados volumes de chuvas, o que pode gerar aumento gradual no nível de córregos, igarapés, riachos e rios.

Rondônia

Em Rondônia já choveu muito forte no inicio da madrugada desta segunda-feira na faixa oeste, fronteira com a Bolívia. Os maiores volumes – cerca de 50 milímetros – foram registrados entre os municípios de Pimenteiras do Oeste, Alto Alegre dos Parecis e Alta Floresta d’ Oeste.

No final da noite de ontem, uma célula com convecção profunda (chuva ocasionada pelo calor e umidade) provocou grande aguaceiro entre os municípios de Pimenta Bueno e Vilhena, nas proximidades da rodovia BR-364. Na mesma área atingida pelo temporal está uma enorme cratera que compromete o tráfego na região. Como o solo está muito encharcado e ainda há previsão de pelo menos 100 mm de chuva nos próximos dias, a trafegabilidade na BR-364 pode ficar comprometida.

Na região do Distrito de São Lourenço, em Vilhena, a chuva danificou bueiros e pequenas pontes, devido ao grande volume da enxurrada.

Previsão

Grande parte dos modelos de previsão numérica, dentre eles o norte-americano GFS, apontam para elevados volumes de chuva em Rondônia, pelo menos até sábado.
Ademais, se adverte que os volumes mais significativos devem ser registrados nas próximas 24-48 horas. Em alguns pontos, o índice pode ficar ligeiramente acima de 100 mm, o que é considerado um valor significativo.
Na região de Presidente Médici, o nível do rio Leitão aumentou cerca de 40 cm após uma única pancada de chuva de 20 mm no inicio da madrugada. Outros rios e riachos podem apresentar grande elevação dependendo do volume e local em que os aguaceiros vão ocorrer.
.
Dados: CPTEC/INPE – INMET – Weather Underground – NOAA/NCEP – Corpo de Bombeiros/Vilhena/Presidente Médici
.
Fonte: De olho no tempo

Mais Sobre Meio Ambiente

Acordo de R$ 2,7 milhões na Justiça do Trabalho viabilizará projetos sustentáveis em Presidente Médici/RO

Acordo de R$ 2,7 milhões na Justiça do Trabalho viabilizará projetos sustentáveis em Presidente Médici/RO

Um acordo no valor de R$ 2,7 milhões homologado pela Justiça do Trabalho em Ji-Paraná/RO beneficiará projetos sustentáveis que visam o tratamento e re

Rio Madeira ultrapassa os 15 metros, dois a menos que em 2019, afirma Defesa Civil

Rio Madeira ultrapassa os 15 metros, dois a menos que em 2019, afirma Defesa Civil

O rio Madeira atingiu na segunda-feira (9) a cota de 15,24 metros, um pouco acima da média (15 metros), mas longe de uma enchente como a registrada em

Prefeitura de Porto Velho alinha medidas para a realização do Amazônia + 21

Prefeitura de Porto Velho alinha medidas para a realização do Amazônia + 21

O prefeito Hildon Chaves se reuniu no Prédio do Relógio (sede do poder executivo) na manhã desta segunda-feira (09), acompanhado do secretário adjunto

Policiais Militares do Batalhão Ambiental participam de oficina sobre Crimes Ambientais de Menor Potencial Ofensivo

Policiais Militares do Batalhão Ambiental participam de oficina sobre Crimes Ambientais de Menor Potencial Ofensivo

Sessenta Policiais Militares do Batalhão de Polícia Ambiental, de todo o Estado, participaram na manhã desta sexta-feira (28/2) da Oficina sobre