Porto Velho (RO) sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Comitê discute plano de combate às queimadas


Fazer um planejamento das ações preventivas de combate às queimadas e incêndios florestais. Esse foi o principal objetivo da reunião do Comitê Estadual de Combate às Queimadas e Incêndios Florestais de Rondônia, que aconteceu na última terça-feira (17), no auditório do Comando Geral do Corpo de Bombeiros Militar, em Porto Velho, sob a presidência do CMT Geral Cel Caetano.

O Comitê Estadual de Prevenção e Combate às Queimadas e Incêndios Florestais tem como objetivo informar e conscientizar a população a desenvolver ações para evitar e minimizar as queimadas no Estado.

As ações do comitê na fase preventiva visam envolver a comunidade local principalmente nos dez municípios/distritos que durante os anos de 2010 e 2011 foram responsáveis pelo maior índice de focos de incêndios em Rondônia. Serão ministradas palestras esclarecedoras; distribuição de folders educativos; formação de brigadas de incêndio. A idéia é chamar administradores e prefeitos para participarem e dividirem com o Estado a responsabilidade de combate às queimadas.

Durante a reunião, Lucindo Martins, coordenador de Proteção Ambiental da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Ambiental (Sedam) lembrou aos participantes que a responsabilidade em relação à prevenção e combate às queimadas é de todos e, portanto é necessário que sejam implementadas “ações integradas, envolvendo os vários órgãos, visando ampliar a conscientização e sensibilização de toda a sociedade”.

O Comitê é formado por 31 órgãos e entidade governamentais e não-governamentais. São eles, o Corpo de Bombeiros, Defesa Civil, Sedam, Batalhão Ambiental, Delegacia Especializada de Crimes Contra o Meio Ambiente, Sipam, Ibama, DER, Delegacia Fluvial de Porto Velho, Base Aérea, Incra, Seagri, Idaron, Promotoria de Justiça do Meio Ambiente, Emater, Eletronorte, Embrapa, AROM, Caerd, Federação dos Trabalhadores na Agricultura, Grupo de Trabalho Amazônico, Federação dos Agricultores e Produtores de Rondônia, CPPT/Cuniã, Organização dos Seringueiros de Rondônia, Coordenação da União das Nações e Povos Indígenas de Rondônia, Centro Regional de Vigilância, Unir, Funai, Articulação Central das Associações de Ajuda Mútua, Delegacia Federal de Agricultura e Ceplac.

 

AGENDA

A próxima reunião do Comitê Estadual de Combate às Queimadas e Incêndios Florestais para fechar o planejamento e início das atividades de 2012, esta agendada para esta sexta-feira (20), a partir das 9 horas, no auditório do Comando Geral do Corpo de Bombeiros Militar, em Porto Velho.

Fonte: Sedam

 

Mais Sobre Meio Ambiente

Colaboradores do Sistema Fecomércio/RO participam da 4º etapa de implantação do Programa ECOS de Sustentabilidade

Colaboradores do Sistema Fecomércio/RO participam da 4º etapa de implantação do Programa ECOS de Sustentabilidade

Colaboradores do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac/IFPE, participaram no auditório da Federação durante dois dias, da 4° etapa da implantação do programa

Barragens de minérios: Onde estão as outras com alto potencial de estrago ou alto risco

Barragens de minérios: Onde estão as outras com alto potencial de estrago ou alto risco

O Brasil tem 790 barragens de rejeitos de minérios, e mais de 300 delas não foram classificadas em relação ao seu risco de rompimento e ao potencial d

Porto Velho: Prefeitura destrava recurso de compensação social para Aterro Sanitário

Porto Velho: Prefeitura destrava recurso de compensação social para Aterro Sanitário

Os R$ 4 milhões também servirão para elaborar o Plano Municipal de Saneamento Básico e o Plano de Gerenciamento de Resíduos SólidosMais uma vitória im

Brumadinho: Qualidade da água do rio Paraopeba é considerada ruim. Veja as imagens

Brumadinho: Qualidade da água do rio Paraopeba é considerada ruim. Veja as imagens

Ontem (31/01), a Fundação SOS Mata Atlântica deu início à Expedição Paraopeba, que irá percorrer 356 km deste rio, de Brumadinho à Hidroelétrica Retir