Porto Velho (RO) sábado, 8 de agosto de 2020
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Amazonenses receberão prêmio para não desmatar a floresta


Kátia Paiva 
Agência Brasil 

Manaus - O governador do Amazonas, Eduardo Braga, assinou nesta semana um decreto que estabelece medidas ambientais para reduzir as emissões de gases causadores de efeito estufa e combater o desmatamento. Elas entram em vigor em 5 de junho, Dia Internacional do Meio Ambiente, quando o decreto será promulgado.

Uma das novidades é a criação do Bolsa Floresta. Integrantes de comunidades tradicionais que incentivarem a utilização da mata de forma sustentável receberão auxílio de cerca de mil reais no final de cada ano.

A única regra para receber o benefício é não desmatar. A preservação das unidades de conservação será fiscalizada através de imagens de satélite e auditorias de campo.

"É um contrato feito entre o governo do estado e as populações tradicionais que moram em unidades de conservação, baseado em um compromisso de desmatamento zero", explica o secretário de Meio Ambiente do Amazonas, Virgílio Viana.

Para Manoel Cunha, coordenador do Conselho Nacional dos Seringueiros no Amazonas, a proposta deve atender às demandas das populações tradicionais da floresta. "Achamos que deve ser bem pensada a forma como esse sistema de benefícios vai chegar aos extrativistas, para não haver nenhum desequilíbrio no processo produtivo, sem perder o compromisso com o meio ambiente e continuando com o trabalho cotidiano".

O Amazonas tem 35 unidades de conservação estaduais, que somam quase 17 milhões de hectares, ou 10% do território do Amazonas.


 

Mais Sobre Meio Ambiente

Deputado Ismael Crispin cobra informações sobre descarte de resíduos de origem animal

Deputado Ismael Crispin cobra informações sobre descarte de resíduos de origem animal

Preocupado com os impactos, que o descarte incorreto de resíduos de origem animal pode provocar ao meio ambiente, o deputado Ismael Crispin (PSB) so

Governo de Rondônia abre consulta pública para auditoria inédita no setor florestal

Governo de Rondônia abre consulta pública para auditoria inédita no setor florestal

O Governo de Rondônia divulgou, na terça-feira (28), na edição nº 145 do Diário Oficial, página seis, o Edital de Chamamento de Contribuição Social –