Segunda-feira, 15 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Amazonas e Roraima sentem reflexos de terremoto


Amanda Mota
Agência Brasil

Manaus - Os reflexos do terremoto ocorrido em Martinica, a leste do Caribe, foram sentidos em Manaus (AM) hoje (29), por volta das 16 horas, horário de Brasília. O abalo também foi percebido em Boa Vista (RR).

De acordo com o geólogo do Serviço Geológico do Brasil, Raimundo Gato Dantona, o abalo em Martinica atingiu 7,4 graus na escala Richter. Apesar do susto no Brasil, ele diz que não há motivo para preocupações.

"Sentir reflexos de um terremoto como esse é comum por causa da magnitude do abalo. Como o tremor foi forte, os reflexos se propagaram e as ondas desse abalo chegaram até o país. Ainda assim, isso não foi no Brasil e não há porque pensar que algo vá ocorrer por aqui por causa disso".

Segundo o secretário de Defesa Civil de Manaus, Antônio Carlos Marques, apesar da surpresa de quem estava nas zonas central, sul, oeste, centro-sul e centro-oeste da cidade, não houve nenhum registro grave de ocorrências.

Ele informou que houve apenas nove chamadas para atender às reclamações sobre tremores. Ao longo do dia, 75 ocorrências foram notificadas, sendo 47 de alagamentos, por causa da forte chuva que caiu na cidade.

"As ocorrências relacionadas ao terremoto foram sobre tremores de prédios. Mas as equipes da Defesa Civl estiveram nos locais para averigüar se havia problemas na estrutura dos prédios e, depois da vistoria, os prédios foram liberados, mediante a certeza de que nenhum prejuízo pudesse ocorrer".

 

Gente de OpiniãoSegunda-feira, 15 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

Ibama define nova prioridade para enfrentar perdas na biodiversidade e a crise climática

Ibama define nova prioridade para enfrentar perdas na biodiversidade e a crise climática

Neste ano em que completa 35 anos, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) comemora o impacto do trabalho

Megaoperação destrói infraestrutura criminosa na Terra Indígena Yanomami

Megaoperação destrói infraestrutura criminosa na Terra Indígena Yanomami

As Forças de Segurança do governo brasileiro estão em ação conjunta ao redor e dentro da Terra Indígena Yanomami para impedir atividades criminosas

Projeto do CIMCERO e TJ-RO amplia estrutura para beneficiar viveiros em Rondônia

Projeto do CIMCERO e TJ-RO amplia estrutura para beneficiar viveiros em Rondônia

A parceria entre o Consórcio Público Intermunicipal de Rondônia (CIMCERO) e o Tribunal de Justiça do Estado de Rondônia tem incentivado junto as pre

Gente de Opinião Segunda-feira, 15 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)