Domingo, 14 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Acadêmicas da São Lucas analisam fatores sanitários e ambientais


Estar em contato com o que se estuda em sala de aula, as "ações extra muro", são reconhecidas como das mais motivadoras atividades para os estudantes. No dia 7 de março, acadêmicos do 6º período de Nutrição da Faculdade São Lucas visitaram alguns bairros periféricos e de classe média de Porto Velho a fim de identificar e analisar indicadores ambientais causadores de verminoses.

O grupo de acadêmicos visitou os bairros Santo Antônio (zona norte), Planalto, Ulisses Guimarães, Socialista e Tancredo Neves (zona leste). As acadêmicas Kely Level, Kassia Fontes e Thamara Thomazi disseram que a atividade foi muito proveitosa. "Verificamos as diferenças nos aspectos físicos dos locais relacionando-os ao nosso estudo, avaliando todas as condições sanitárias. Também pudemos observar como pessoas separadas por poucos quilômetros de distância, a exemplo da população de Planalto e Santo Antônio, vivem realidades completamente diferentes, sendo que uma parte reside em situação de moradia muito precária e sem a infra-estrutura mínima necessária", analisam.

A atividade faz parte do projeto "Avaliação dos Níveis de Enteroparasitoses no Bairro Planalto no Município de Porto Velho: Epidemologia, Diagnóstico Laboratorial, Avaliação Nutricional e Indicadores Ambientais", que será enviado ao Comitê de Ética e Pesquisa da Faculdade São Lucas – CEPE. O projeto é coordenado pelas professoras Luna Mares de Oliveira e Flávia Serrano. Luna ministra a disciplina "Avaliação Nutricional" e Flávia "Prática de Epidemiologia e Parastologia" no curso de Nutrição. Elas explicaram que este foi um primeiro passo de um projeto interdisciplinar, no qual estão envolvidos inicialmente os cursos de Biomedicina, Medicina, e Nutrição.
 
Fonte: Crisbele Sena

Gente de OpiniãoDomingo, 14 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

Megaoperação destrói infraestrutura criminosa na Terra Indígena Yanomami

Megaoperação destrói infraestrutura criminosa na Terra Indígena Yanomami

As Forças de Segurança do governo brasileiro estão em ação conjunta ao redor e dentro da Terra Indígena Yanomami para impedir atividades criminosas

Projeto do CIMCERO e TJ-RO amplia estrutura para beneficiar viveiros em Rondônia

Projeto do CIMCERO e TJ-RO amplia estrutura para beneficiar viveiros em Rondônia

A parceria entre o Consórcio Público Intermunicipal de Rondônia (CIMCERO) e o Tribunal de Justiça do Estado de Rondônia tem incentivado junto as pre

Gente de Opinião Domingo, 14 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)