Porto Velho (RO) sábado, 22 de setembro de 2018
×
Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional - Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional

Tolmasquim prevê forte competição no leilão de energia previsto para a próxima semana



Nielmar de Oliveira
Agência Brasil


Rio de Janeiro - A Empresa de Pesquisa Energética (EPE) já habilitou 321 projetos, totalizando 14.083 megawatss (MW), para os leilões de oferta de energia previstos para os dias 17 e 18 de agosto, por meio da internet. O presidente da EPE, Maurício Tolmasquim, prevê uma forte competição que resultará em vantagens para o consumidor. “A gente antevê uma grande competição e isto significa que deverá haver deságios em relação ao preço estabelecido. E quem ganhará com este deságio será o consumidor que poderá pagar menos pela energia que vier a consumir”, disse.

De acordo com Tolmasquim, todo o país estará presente com fontes distintas de energia em vários estados. “Observa-se nos empreendimentos habilitados a predominância da fonte eólica [dos ventos], principalmente nos estados do Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e Ceará. Mas o gás natural também é forte no Rio de Janeiro e no Maranhão, enquanto São Paulo apresenta oferta em maior número de projetos térmicos movidos à biomassa [bagaço da cana]”.

Ao comentar o crescimento da oferta de energia proveniente de fonte eólica, o presidente da EPE disse que ele decorre da queda no preço do custo de geração. “Muitos empreendedores e fabricantes de equipamentos voltados para a geração de energia a partir dos ventos vieram para o Brasil”. Destacou, ainda, como ponto favorável às eólicas, o fato de ser uma energia limpa e totalmente renovável. “E isto torna o empreendimento também atraente para os grandes investidores, pois há a questão da imagem, e as grandes empresas quererem associar sua imagem a este tipo de geração”.

Tolmasquim também ressaltou o grande potencial de geração a partir de térmicas a gás natural. “São apenas dez empreendimentos mas que se equivalem à geração eólica em potencia instalada: 4.388 MW, contra os 6.052 MW das eólicas. Observamos que a geração a gás natural está muito perto em termos de capacidade de geração, uma vez que vem ocorrendo descobertas de muitas reservas de gás no Brasil – e o preço do gás fica cada vez mais barato”, disse.


 

Mais Sobre Energia e Meio Ambiente - Internacional

Hidrelétrica Santo Antônio comemora o Dia da Árvore com criação de bosque

Hidrelétrica Santo Antônio comemora o Dia da Árvore com criação de bosque

Na manhã de hoje, em comemoração ao Dia da Árvore, foi inaugurado um bosque na Hidrelétrica Santo Antônio. A área de mais de dois hectares, o equivale

Comissão da ALE aprova projetos que retiram incentivos das usinas do Madeira

Comissão da ALE aprova projetos que retiram incentivos das usinas do Madeira

Comissão também analisou outros projetos que seguem para votação em Plenário...

Sistema de transposição de peixes da UHE Jirau é referência

Sistema de transposição de peixes da UHE Jirau é referência

Sistema de Transposição de Peixes da UHE Jirau foi projetado pelos melhores especialistas no assunto