Porto Velho (RO) quarta-feira, 20 de fevereiro de 2019
×
Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional - Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional

Raupp ouve de Lula que construção das usinas do Madeira deverá ser novo recorde


O senador e candidato a reeleição Valdir Raupp (PMDB), da coligação “Aliança por uma Rondônia melhor para todos” (PMDB, PDT, PCdoB, DEM e PRTB), revelou nesta segunda-feira (16) que ouviu do presidente Luís Inácio Lula da Silva, a propósito das usinas do Madeira, que vai ser até recorde mundial de tempo de construção destas duas hidrelétricas, principalmente se considerada a magnitude do empreendimento.

Conforme explicou o senador peemedebista, já em 2011 a Usina de Santo Antônio deverá começar a produzir com a capacidade instalada de 3 mil 150 megawatts. Foi o que lhe garantiu, segundo disse Raupp, o presidente Luís Inácio Lula da Silva, na conversa mantida entre os dois na Base Aérea, em Porto Velho, ocasião em que o parlamentar recepcionou o primeiro mandatário do país logo após o seu desembarque em Rondônia.

Segundo revelou Valdir Raupp, na conversa que mantiveram logo após o desembarque, o presidente Lula estimou ser possível, já em 2011, que a usina de Santo Antônio comece a produzir com capacidade instalada de 3.150 megawatts. Em relação a Jirau, ainda conforme a estimativa presidencial relatada por Raupp, a previsão é a de que a usina comece a operar até março de 1012 com a capacidade de 3.450 megawatts

Na conversa que se seguiu, conforme Raupp, Lula disse que se sentiu motivado para vir a Rondônia depois que o consórcio “Energia Sustentável do Brasil” lhe garantiu que vai antecipar em quase três anos a entrada em operação da Usina Hidrelétrica Jirau, com previsão de todas as turbinas estarem funcionando em novembro de 2012. “Como o prazo anterior, determinado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), era setembro de 2015, temos mais é que compartilhar do entusiasmo presidencial”, disse Raupp.

De acordo com Raupp, Lula mostrou-se bastante entusiasmado na conversa que mantiveram logo após o presidente desembarcar na capital rondoniense, considerando que vai ser até recorde mundial de tempo de construção destas duas hidrelétricas, principalmente se considerada a magnitude do empreendimento.

Conforme explicou Valdir Raupp, após o desembarque do presidente na Base Aérea, Lula mostrou-se tanto mais entusiasmado com o empreendimento ao considerar que poucos lugares do mundo têm o potencial que o Brasil tem de produzir energia elétrica a partir da água.

Por fim, o senador Valdir Raupp relatou que ouviu do presidente que este será um marco da sua administração, pois as duas hidrelétricas, juntamente com a usina de Belo Monte, segundo Lula, são consideradas fundamentais pelo governo para sustentar o crescimento do País.


Fonte: Altair Medeiros
 

Mais Sobre Energia e Meio Ambiente - Internacional

Energia Sustentável do Brasil assina termo de compromisso com ICMBio para investimento em unidades de conservação na Amazônia

Energia Sustentável do Brasil assina termo de compromisso com ICMBio para investimento em unidades de conservação na Amazônia

Duas unidades de conservação na Amazônia receberão investimentos da Energia Sustentável do Brasil (ESBR), concessionária da Usina Hidrelétrica (UHE)

Teste de autorrestabelecimento é feito com sucesso na UHE Jirau

Teste de autorrestabelecimento é feito com sucesso na UHE Jirau

As Unidades Geradoras (UG) são desligadas para simular um apagão

SPIC - Chinesa tem pressa para comprar hidrelétrica Santo Antônio

SPIC - Chinesa tem pressa para comprar hidrelétrica Santo Antônio

As negociações duram mais de um ano, e agora a SPIC corre para concluir a transação antes da posse de Bolsonaro na Presidência

Mais de 940 mil m³ foram dragados do rio Madeira em 2018

Mais de 940 mil m³ foram dragados do rio Madeira em 2018

O processo consiste em escavar o material que está obstruindo o canal de navegação e bombear o volume a pelo menos 250 m de distância desse canal.A