Porto Velho (RO) segunda-feira, 25 de março de 2019
×
Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional - Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional

Operários que moram em Porto Velho abandonam construção da UHE de Jirau


Com dificuldades de adaptação ao regime de turno de trabalho, a maioria dos operários que mora em Porto Velho e foi contratada pelo consórcio de energia para trabalhar na construção da hidrelétrica de Jirau, na região da Garganta do Inferno, no Rio Madeira, não retorna às atividades após o gozo da licença para visitar os parentes.

O maior índice de retorno, segundo apurou o blog, é registrado dentre os mineiros, paraibanos, paraenses, amazonenses e tocatinenses, que depois de 15 dias com os familiares em seus Estados de oriegem voltam ao trabalho normalmente.

Uma indústria de charque já enfrentou problema semelhante, quando se instalou no distrito industrial próximo ao município de Candeias do Jamari, e foi obrigada a contratar trabalhadores em outras regiões do país.

Fonte: Blgo do BIDU (Abdoral Cardoso)

Mais Sobre Energia e Meio Ambiente - Internacional

Energia Sustentável do Brasil assina termo de compromisso com ICMBio para investimento em unidades de conservação na Amazônia

Energia Sustentável do Brasil assina termo de compromisso com ICMBio para investimento em unidades de conservação na Amazônia

Duas unidades de conservação na Amazônia receberão investimentos da Energia Sustentável do Brasil (ESBR), concessionária da Usina Hidrelétrica (UHE)

Teste de autorrestabelecimento é feito com sucesso na UHE Jirau

Teste de autorrestabelecimento é feito com sucesso na UHE Jirau

As Unidades Geradoras (UG) são desligadas para simular um apagão

SPIC - Chinesa tem pressa para comprar hidrelétrica Santo Antônio

SPIC - Chinesa tem pressa para comprar hidrelétrica Santo Antônio

As negociações duram mais de um ano, e agora a SPIC corre para concluir a transação antes da posse de Bolsonaro na Presidência

Mais de 940 mil m³ foram dragados do rio Madeira em 2018

Mais de 940 mil m³ foram dragados do rio Madeira em 2018

O processo consiste em escavar o material que está obstruindo o canal de navegação e bombear o volume a pelo menos 250 m de distância desse canal.A