Porto Velho (RO) sábado, 22 de setembro de 2018
×
Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional - Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional

O Brasil que retoma os investimentos na geração de energia limpa e renovável



“A Usina Hidrelétrica Santo Antonio representa a retomada dos investimentos na geração de eletricidade no país”. Assim comemorou a presidenta Dilma Rousseff, nesta terça-feira (5/7), ao discursar na cerimônia do início do desvio do rio Madeira para a Usina Hidrelétrica Santo Antônio, em Porto Velho (RO). Segundo destacou, a obra representa “um momento histórico para o Brasil” que levará ao crescimento e ao desenvolvimento econômico do país. Ela recordou também a importância do ex-presidente Lula para que os projetos de Santo Antonio e Jirau ganhassem forma.
 

“Esse é um momento histórico, porque estamos vendo que as águas começaram a turbilhonar. Se concretiza um projeto da mais importante relevância para o Brasil, que é a volta do investimento em usina hidrelétrica. Santo Antonio reflete um momento no Brasil em que voltamos a pensar no nosso desenvolvimento e ver que não é um desenvolvimento qualquer. Vai levar a crescimento econômico. Que está baseado na visão de que temos de ter no Brasil uma economia forte, e esse processo só será verdadeiramente grande e consistente se incluir a população brasileira.”
 

A presidenta Dilma lembrou que no passado o país crescia de forma desigual, onde “muitas pessoas ficaram muito pobres e poucas pessoas ficaram muito ricas”. Dilma Rousseff mencionou também os recentes estudos apresentados pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) que mostram que 39,5 milhões de brasileiros foram alçados à classe média. Ela destacou que essa quantidade de cidadãos representam quase que a população da Argentina e duas vezes e meia a população do Chile.
 

Dilma Rousseff destacou a importância da usina Santo Antonio para geração de empregos. Contou também que o governo vem apostando em empreendimentos hidrelétricos porque trata-se de uma energia limpa, sem causar danos ao meio ambiente. A presidenta lembrou que em países europeus, assim como nos Estados Unidos, esgotaram o potencial de geração de energia por meio das hidrelétricas.
 

“Essa usina faz parte de uma visão de desenvolvimento regional equilibrado. Rondônia tem potencial. Riquezas minerais. Possibilidade de uma produção de grãos. Pesca, madeira. É fundamental que Rondônia tenha energia firme e de qualidade. A energia é feita para usar aqui em Rondônia. Para demonstrar que nós de fato podemos ter nessa parte do Brasil. Nesse grande interior. Demonstrar que aqui somos capazes de termos um desenvolvimento muito próprio.” 
 

O desvio do rio Madeira para a construção da Usina Santo Antônio será executado em duas fases. Na primeira fase, o rio será desviado do leito para o vertedouro principal, na margem esquerda (o vertedouro é um sistema de segurança usado nas barragens). A operação de fechamento do rio se dará com o lançamento de um cordão de enrocamento (conjunto de blocos de rocha usado para construir barragens e fazer contenção), com progressiva transferência do fluxo de água para o vertedouro. Após a conclusão dessa operação, começará a segunda fase do desvio, quando o rio permanecerá escoando pelo vertedouro principal (e eventualmente pelo complementar), sendo as atividades de construção no leito protegidas por ensecadeiras (diques).
 

Usina Hidrelétrica de Santo Antonio - A usina hidrelétrica de Santo Antônio faz parte do PAC e conta com investimentos de R$ 16 bilhões. Ao todo, serão instaladas 44 turbinas com capacidade, cada uma, de 71,6 megawatts. As turbinas são do tipo bulbo, usadas quando a força do próprio rio gera energia contínua, sem necessidade de grandes quedas d’água nem de reservatórios extensos. Quando estiver pronta, a hidrelétrica terá potência instalada de aproximadamente 3.150,4 megawatts e capacidade para abastecer 11 milhões de residências, o equivalente a 40 milhões de pessoas. As obras foram iniciadas em setembro de 2008 e, até agora, já geraram cerca de 20 mil empregos. O início da operação comercial está previsto para dezembro deste ano, com pleno funcionamento até dezembro de 2015. O município de Porto Velho e o estado de Rondônia deverão receber anualmente R$ 67 milhões pelos “royalties da água”, segundo a Eletrobras Furnas.
 

A concessionária responsável pela usina é a Santo Antônio Energia, formada pelas empresas Eletrobras Furnas, Odebrecht, Andrade Gutierrez, Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), Fundo de Investimentos e Participações Amazônia Energia (FIP), Banco Banif e FI-FGTS.
 

Desvio do Madeira testado em Modelo Reduzido da Hidrelétrica - Segundo informações da Eletrobrás Furnas, para auxiliar nos cálculos da construção e na definição de parâmetros para a usina, foi construído na Subestação São José de Furnas, em Belford Roxo (RJ), o Modelo Reduzido da Usina Hidrelétrica Santo Antônio. Com cerca de 4.000 m² de área construída, um dos maiores do país, o modelo foi projetado nas condições de semelhança mecânica da usina, e reproduz todo o arranjo das estruturas hidráulicas do empreendimento, representando uma extensão de 8,7 km da calha do rio Madeira, além de todo o arranjo da hidrelétrica, em uma escala de 1:80.
 

Os trabalhos estão sob a responsabilidade do Laboratório de Hidráulica Experimental e Recursos Hídricos de Furnas (LAHE.E), divisão do Departamento de Engenharia Civil de Furnas. Entre outubro de 2010 e março de 2011, o LAHE.E estudou diversas alternativas para a operação de fechamento do rio. Nesses ensaios foram avaliados os diâmetros de rocha necessários, os volumes utilizados e as possíveis perdas de material por carreamento. As informações foram disponibilizadas para a obra, determinando a melhor sequência de lançamento e a posição para execução do fechamento final, tornando o processo mais eficiente.
 

Outros estudos implementados no Modelo Reduzido mostraram a possibilidade de redução do comprimento de muros e de diques de proteção do rio Madeira, mudanças já realizadas no projeto de construção da usina. Os ensaios resultaram na diminuição das escavações junto ao canal de fuga da margem direita do rio, onde o traçado foi alterado para permitir a melhor distribuição do escoamento da água e do desempenho da entrada do sistema de transposição de peixes.
 

Para os testes de reprodução da cheia do rio, foi criado um sistema de abastecimento com capacidade de bombeamento de aproximadamente 2.100 litros/s, vazão suficiente para abastecer uma cidade de 400 mil habitantes. Todo o sistema de abastecimento funciona em circuito fechado, sendo a água armazenada em um reservatório subterrâneo de 3.500 m³. Depois de finalizados os estudos de desvio do rio Madeira, começam a ser realizados os ensaios de definição das regras operativas da usina.
 

Eletrobras Furnas - Principal acionista da Sociedade de Propósito Específico Santo Antônio Energia, com 39% das ações, a Eletrobras Furnas também é responsável pelos estudos de inventário e viabilidade do empreendimento de Santo Antônio, e pela chamada Engenharia do Proprietário, isto é, a fiscalização de projetos, obras civis, fornecimento e montagem eletromecânica dos equipamentos. Furnas também faz o Controle Tecnológico, ou estudo dos materiais de construção, solo e concreto, além dos serviços de Gestão Fundiária no entorno do reservatório e a operação e manutenção da usina.
 

Fonte: Blog do Planalto

 

Mais Sobre Energia e Meio Ambiente - Internacional

Hidrelétrica Santo Antônio comemora o Dia da Árvore com criação de bosque

Hidrelétrica Santo Antônio comemora o Dia da Árvore com criação de bosque

Na manhã de hoje, em comemoração ao Dia da Árvore, foi inaugurado um bosque na Hidrelétrica Santo Antônio. A área de mais de dois hectares, o equivale

Comissão da ALE aprova projetos que retiram incentivos das usinas do Madeira

Comissão da ALE aprova projetos que retiram incentivos das usinas do Madeira

Comissão também analisou outros projetos que seguem para votação em Plenário...

Sistema de transposição de peixes da UHE Jirau é referência

Sistema de transposição de peixes da UHE Jirau é referência

Sistema de Transposição de Peixes da UHE Jirau foi projetado pelos melhores especialistas no assunto