Porto Velho (RO) sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019
×
Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional - Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional

Lobão: Preços dos combustíveis não devem subir no Brasil


 

Brasília - Pelo fato de ser quase autosuficiente na produção de petróleo, o Brasil possivelmente não será atingido pela alta mundial do produto, e o preço dos combustíveis no país deverá permanecer inalterado. O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, disse hoje (4) que o governo vai proteger o consumidor ao máximo possível.
 

“Não estamos trabalhando neste momento com a possibilidade de nenhum aumento no preço dos combustíveis. A nossa produção está atendendo quase a totalidade do consumo. Essa movimentação da bolsa [de valores] ocorre permanentemente, ora para mais ora para menos.”
 

Segundo ele, a participação da Arábia Saudita no mercado garante que o preço do petróleo não vai disparar como em 2008, quando passou de US$ 30 para US$ 140. “Não estamos tendo nenhuma preocupação neste momento com relação ao preço na bomba”, completou Lobão.


Sabrina Craide Agência Brasil
 

Mais Sobre Energia e Meio Ambiente - Internacional

Energia Sustentável do Brasil assina termo de compromisso com ICMBio para investimento em unidades de conservação na Amazônia

Energia Sustentável do Brasil assina termo de compromisso com ICMBio para investimento em unidades de conservação na Amazônia

Duas unidades de conservação na Amazônia receberão investimentos da Energia Sustentável do Brasil (ESBR), concessionária da Usina Hidrelétrica (UHE)

Teste de autorrestabelecimento é feito com sucesso na UHE Jirau

Teste de autorrestabelecimento é feito com sucesso na UHE Jirau

As Unidades Geradoras (UG) são desligadas para simular um apagão

SPIC - Chinesa tem pressa para comprar hidrelétrica Santo Antônio

SPIC - Chinesa tem pressa para comprar hidrelétrica Santo Antônio

As negociações duram mais de um ano, e agora a SPIC corre para concluir a transação antes da posse de Bolsonaro na Presidência

Mais de 940 mil m³ foram dragados do rio Madeira em 2018

Mais de 940 mil m³ foram dragados do rio Madeira em 2018

O processo consiste em escavar o material que está obstruindo o canal de navegação e bombear o volume a pelo menos 250 m de distância desse canal.A