Porto Velho (RO) domingo, 17 de fevereiro de 2019
×
Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional - Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional

Índios detêm dois engenheiros da Norte Energia




Pedro Peduzzi
Agência Brasil

 

Brasília – A Norte Energia, empresa responsável pela construção e operação da Usina Hidrelétrica de Belo Monte, confirmou à Agência Brasil que dois engenheiros da obra foram detidos por índios Juruna e Arara na aldeia Maratu, no Pará. A empresa, no entanto, não entrou em detalhes sobre o ocorrido, alegando que, por ter acontecido no interior da aldeia, a Fundação Nacional do Índio (Funai) é a entidade mais indicada para falar sobre o caso.
 

Os dois engenheiros foram detidos pelos índios na manhã de ontem (24) quando iam apresentar o plano da empresa para a transposição do Rio Xingu. De acordo com a Funai, os índios reivindicam o cumprimento de condicionantes e, em especial, uma solução alternativa para os problemas de transporte, já que o meio fluvial será prejudicado com a construção das represas.
 

Mais Sobre Energia e Meio Ambiente - Internacional

Energia Sustentável do Brasil assina termo de compromisso com ICMBio para investimento em unidades de conservação na Amazônia

Energia Sustentável do Brasil assina termo de compromisso com ICMBio para investimento em unidades de conservação na Amazônia

Duas unidades de conservação na Amazônia receberão investimentos da Energia Sustentável do Brasil (ESBR), concessionária da Usina Hidrelétrica (UHE)

Teste de autorrestabelecimento é feito com sucesso na UHE Jirau

Teste de autorrestabelecimento é feito com sucesso na UHE Jirau

As Unidades Geradoras (UG) são desligadas para simular um apagão

SPIC - Chinesa tem pressa para comprar hidrelétrica Santo Antônio

SPIC - Chinesa tem pressa para comprar hidrelétrica Santo Antônio

As negociações duram mais de um ano, e agora a SPIC corre para concluir a transação antes da posse de Bolsonaro na Presidência

Mais de 940 mil m³ foram dragados do rio Madeira em 2018

Mais de 940 mil m³ foram dragados do rio Madeira em 2018

O processo consiste em escavar o material que está obstruindo o canal de navegação e bombear o volume a pelo menos 250 m de distância desse canal.A