Porto Velho (RO) segunda-feira, 24 de setembro de 2018
×
Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional - Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional

Energia sustentável inicia contratações para fase de operação de Jirau



Serão contratados 210 profissionais, entre as áreas Administrativa, Financeira, de Operação e Manutenção, Recursos Humanos, Saúde e Segurança

A Usina Hidrelétrica Jirau está se preparando para a fase de operação, que deverá iniciar até o final do segundo semestre, quando a primeira turbina deverá começar a gerar energia. Ao mesmo tempo em que um contingente de aproximadamente 15 mil pessoas trabalha para construir e montar as estruturas, outro grupo, de proporção bem menor e formação específica, já está sendo formado e preparado para atuar no funcionamento e manutenção da Usina.

Em entrevista coletiva para a imprensa nesta quarta-feira, 29, no hotel Aquarius, os diretores José Lucio de Arruda Gomes (Institucional), Paulo Mantuano (Administrativo-Financeiro) e Isac Teixeira (Operação & Manutenção), da concessionária Energia Sustentável do Brasil (ESBR), explicaram como será o processo de recrutamento e capacitação dos novos profissionais.

Segundo o diretor Administrativo-Financeiro, a equipe de funcionários diretos da ESBR para a operação será de 274 profissionais, dos quais 210 serão alocados na área de Operação e Manutenção e 64 nos setores Administrativo e Financeiro, Institucional e de apoio. “Dos 123 profissionais do quadro atual, 64 permanecerão na fase de operação, havendo a necessidade de contratações adicionais de aproximadamente 200 pessoas”, informa Mantuano.

De imediato serão contratadas 59 pessoas, até o final deste ano, seguindo-se com mais 47 contratações no próximo ano, 37 em 2014 e 58 em 2015. As áreas de formação para as contratações são: Administrativa, Financeira, Operação e Manutenção, Recursos Humanos, Saúde e Segurança. E os níveis são para cargos técnicos, de coordenação e gerenciais.

O diretor Institucional da ESBR ressalta que nas contratações será dada prioridade aos moradores da região de implantação do empreendimento. “Nós estamos cumprindo mais um dos nossos objetivos para com a região. Diferentemente de antigamente, em outros empreendimentos no Brasil, nós tivemos a preocupação de aqui em Rondônia, mais especificamente na área de influência direta de Jirau, criar um polo de desenvolvimento, com toda a infraestrutura necessária, que é Nova Mutum Paraná. E agora, junta-se também a esse compromisso o fato de estarmos contratando esse pessoal para morar em Nova Mutum e trabalhar na Usina, pelo período de nossa concessão, que é de 35 anos”, diz José Lucio.

A filosofia para essa contratação, de acordo com o diretor de Operação & Manutenção, “é de que as próprias pessoas, da região do empreendimento, sejam as responsáveis pela operação e manutenção da Usina. Nesse primeiro momento nós estamos trazendo profissionais de outras regiões, já com vasta experiência em operação e manutenção de hidrelétricas, para treinar e repassar o conhecimento obtido aos novos contratados. Dessa forma, esses novos empregados, que serão captados na região de inserção da Usina, terão a capacitação necessária para operar com segurança as nossas instalações”, reforça Isac.

Seleção e capacitação

Os interessados nas vagas deverão se inscrever no site da ESBR (www.energiasustentaveldobrasil.com.br), na seção Trabalhe Conosco. O link foi especialmente disponibilizado para otimizar e facilitar o processo de seleção.

De acordo com o diretor de Operação & Manutenção, a empresa também pretende fazer parcerias com escolas técnicas e universidades em Porto Velho, para a formação de mão de obra específica.

Status da obra

A UHE Jirau está com cerca de 70% das obras civis realizadas. Até o último mês de janeiro 1.500.000 metros cúbicos de concreto já haviam sido lançados, o que corresponde a 60% do total previsto, que é de 2.500.000 até a conclusão. A parte de escavação já está 85% concluída e a montagem eletromecânica também está cumprindo o cronograma estabelecido para que a primeira, do total de 50 turbinas do tipo bulbo, comece a gerar energia ainda em 2012.


Fonte: Comunica

Mais Sobre Energia e Meio Ambiente - Internacional

Hidrelétrica Santo Antônio comemora o Dia da Árvore com criação de bosque

Hidrelétrica Santo Antônio comemora o Dia da Árvore com criação de bosque

Na manhã de hoje, em comemoração ao Dia da Árvore, foi inaugurado um bosque na Hidrelétrica Santo Antônio. A área de mais de dois hectares, o equivale

Comissão da ALE aprova projetos que retiram incentivos das usinas do Madeira

Comissão da ALE aprova projetos que retiram incentivos das usinas do Madeira

Comissão também analisou outros projetos que seguem para votação em Plenário...

Sistema de transposição de peixes da UHE Jirau é referência

Sistema de transposição de peixes da UHE Jirau é referência

Sistema de Transposição de Peixes da UHE Jirau foi projetado pelos melhores especialistas no assunto