Porto Velho (RO) quarta-feira, 26 de setembro de 2018
×
Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional - Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional

Eletrobras alerta para cuidados com a decoração natalina



Com a chegada das festas de final de ano muitas famílias aproveitam para decorar suas casas com arranjos, árvores de natal e, claro, muitas luzes. Mesmo parecendo uma coisa simples e prazerosa, é preciso que as pessoas tomem alguns cuidados para evitar acidentes. Estão na lista dos principais “enfeites” de natal e ano novo as microlâmpadas e os ‘pisca-piscas’, que dão um novo brilho às residências nesta época, mas que se não forem utilizados de forma consciente podem influenciar no valor final da conta de energia.
 

A Eletrobras Distribuição Rondônia alerta aos consumidores sobre a forma de instalação desses equipamentos, que aparentemente parecem inofensivos, mas quando o assunto é energia o cuidado deve ser redobrado.
 

Segundo o engenheiro de segurança do trabalho Fernando Fernandes, a decoração não deve ser colocada próxima à rede elétrica. É necessário manter a fiação longe de crianças e ter cuidado para que os equipamentos tenham o selo do Inmetro. “Existem vários cuidados que o consumidor deve ter com as instalações da decoração natalina. Como estamos na época de chuvas em Rondônia é preciso evitar o contato da fiação elétrica com a água, não instalar o conjunto de lâmpadas em estrutura metálica e/ou pontiaguda, não utilizar enfeites de papel em árvores com iluminação elétrica e não utilizar iluminação ou pisca-pisca em árvores com ramificações de metal”, alerta.
 

Um conjunto padrão de 100 “pisca-piscas”, com 50W de potência, consome 16,5 KWh/mês. Aparentemente parece pouco, mas dependendo do tempo de uso e da quantidade de lâmpadas utilizadas elas podem pesar no bolso no final do mês. Uma árvore de natal com 100 “lâmpadas” ligadas durante toda a noite, ou cerca de 11h, pode gerar um acréscimo aproximadamente de R$ 7,50 na conta de energia.
 

A Eletrobras informa que as decorações natalinas externas, que requeiram ser ligadas na rede de distribuição de energia elétrica, são chamadas de Ligações Provisórias e precisam estar de acordo com a Resolução 414 da ANEEL. Portanto, antes de realizar a instalação, é necessário ir a uma das lojas de atendimento da empresa e solicitar autorização, a fim de não configurar uma ligação clandestina.
 

Fonte: Marçal Pedroso
 

Mais Sobre Energia e Meio Ambiente - Internacional

Hidrelétrica Santo Antônio comemora o Dia da Árvore com criação de bosque

Hidrelétrica Santo Antônio comemora o Dia da Árvore com criação de bosque

Na manhã de hoje, em comemoração ao Dia da Árvore, foi inaugurado um bosque na Hidrelétrica Santo Antônio. A área de mais de dois hectares, o equivale

Comissão da ALE aprova projetos que retiram incentivos das usinas do Madeira

Comissão da ALE aprova projetos que retiram incentivos das usinas do Madeira

Comissão também analisou outros projetos que seguem para votação em Plenário...

Sistema de transposição de peixes da UHE Jirau é referência

Sistema de transposição de peixes da UHE Jirau é referência

Sistema de Transposição de Peixes da UHE Jirau foi projetado pelos melhores especialistas no assunto