Porto Velho (RO) domingo, 23 de setembro de 2018
×
Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional - Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional

Disputa entre duas usinas gigantes agrava atrasos



LUCAS REIS
Folha de São Paulo

Assim como na usina de Belo Monte, problemas rondam as usinas de Jirau e Santo Antônio, no rio Madeira, em Rondônia, cerca de 1.700 quilômetros a sudeste da usina do Pará. Há entraves ambientais, atrasos e até disputa interna por energia.
 

Juntas, as usinas do rio Madeira, licitadas entre 2007 e 2008, produzem hoje cerca de 1.200 MW.
 

Com um ano e dez meses de atraso, Santo Antônio começou a transmitir energia em novembro, por uma linha de 2.400 quilômetros de Porto Velho a Araraquara (SP). Deve atingir o potencial máximo (3.568 MW) em julho de 2016.
 

Jirau, geração máxima de 3.800 MW e ainda em obras, tem apenas uma turbina liberada e usa o "linhão" já pronto -as duas usinas compartilharão a rede. A segunda linha, de 2.400 km, deve ser entregue em agosto de 2014.
 

Usinas e consórcios que cuidam das linhas de transmissão atribuem o atraso à demora nas licenças ambientais, expedidas pelo Ibama.
 

Outro problema se desdobra desde julho, após a Aneel aprovar um projeto de expansão da capacidade de Santo Antônio. O aval inviabilizou nova ampliação da potência de Jirau, e a agência obrigou Santo Antônio, como compensação, a ceder de graça a Jirau parte desta energia.
 

Ocorre que a Santo Antônio recorreu, e a Aneel suspendeu neste mês o repasse de energia extra a Jirau, que agora ameaça ir à Justiça.
 

O Ministério de Minas e Energia diz que os atrasos provocam prejuízo, mas não estima valores. A Aneel diz que nenhum MW deixou de ser gerado ou transmitido.
 

A Santo Antônio diz que usou um sistema alternativo ligado ao Acre e a Rondônia.
 

Jirau afirma ter sido prejudicada pelos atrasos, mas que as obras do segundo "linhão" não serão problema.

Mais Sobre Energia e Meio Ambiente - Internacional

Hidrelétrica Santo Antônio comemora o Dia da Árvore com criação de bosque

Hidrelétrica Santo Antônio comemora o Dia da Árvore com criação de bosque

Na manhã de hoje, em comemoração ao Dia da Árvore, foi inaugurado um bosque na Hidrelétrica Santo Antônio. A área de mais de dois hectares, o equivale

Comissão da ALE aprova projetos que retiram incentivos das usinas do Madeira

Comissão da ALE aprova projetos que retiram incentivos das usinas do Madeira

Comissão também analisou outros projetos que seguem para votação em Plenário...

Sistema de transposição de peixes da UHE Jirau é referência

Sistema de transposição de peixes da UHE Jirau é referência

Sistema de Transposição de Peixes da UHE Jirau foi projetado pelos melhores especialistas no assunto