Porto Velho (RO) segunda-feira, 23 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional - Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional

Contratos de linhas de transmissão devem gerar 3,5 mil empregos diretos


 

Brasília - Cerca de 3,5 mil empregos diretos serão criados com a construção, operação e manutenção dos 708 quilômetros de quatro linhas de transmissão e 11 subestações da rede básica, previstos nos contratos de concessão firmados hoje (6) entre as empresas vencedoras da licitação, o Ministério de Minas e Energia (MME) e a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

A previsão é de que R$ 700 milhões sejam investidos nessas linhas, que serão construídas nos estados de São Paulo, do Rio Grande do Sul, Pará, Maranhão, de Mato Grosso, Alagoas e da Bahia.

Os lotes foram arrematados com deságio médio de 31,57% em relação à receita anual permitida, de R$ 39,3 milhões, prevista no edital. Com isso, a diferença – de R$ 12,4 milhões – deverá ser repassada para o consumidor final por meio de tarifas mais módicas. A entrada em operação está prevista para ocorrer em dois anos.

“As empresas estão conseguindo reduzir os preços de uma forma que até tem nos surpreendido”, disse o diretor-geral da Aneel, Nelson Hübner, após a assinatura dos contratos, e pouco antes de convidar as empresas a participar do leilão previsto para novembro, “de linhas bastante significativas para a Região Centro-Oeste”.

Representando o ministro Márcio Zimmermann, o secretário executivo da pasta, José Antônio Coimbra, acrescentou que, assinatura dos contratos é resultado de “um trabalho que vem de um ou dois anos de estudos”, o que “mostra que estamos sinalizando com cinco anos de antecedência a garantia do sistema elétrico” brasileiro.

“Já estamos trabalhando em outros leilões, previstos para novembro, dezembro e para 2011. Dessa forma, sinalizamos à população que estamos cuidando da diretriz maior, que é a energia elétrica, interligando a energia [do país] e, sobretudo, as nossas cidades”, afirmou o secretário.

Pedro Peduzzi
Agência Brasil

Mais Sobre Energia e Meio Ambiente - Internacional

Energia Sustentável do Brasil assina termo de compromisso com ICMBio para investimento em unidades de conservação na Amazônia

Energia Sustentável do Brasil assina termo de compromisso com ICMBio para investimento em unidades de conservação na Amazônia

Duas unidades de conservação na Amazônia receberão investimentos da Energia Sustentável do Brasil (ESBR), concessionária da Usina Hidrelétrica (UHE)

Teste de autorrestabelecimento é feito com sucesso na UHE Jirau

Teste de autorrestabelecimento é feito com sucesso na UHE Jirau

As Unidades Geradoras (UG) são desligadas para simular um apagão

SPIC - Chinesa tem pressa para comprar hidrelétrica Santo Antônio

SPIC - Chinesa tem pressa para comprar hidrelétrica Santo Antônio

As negociações duram mais de um ano, e agora a SPIC corre para concluir a transação antes da posse de Bolsonaro na Presidência

Mais de 940 mil m³ foram dragados do rio Madeira em 2018

Mais de 940 mil m³ foram dragados do rio Madeira em 2018

O processo consiste em escavar o material que está obstruindo o canal de navegação e bombear o volume a pelo menos 250 m de distância desse canal.A