Porto Velho (RO) segunda-feira, 25 de março de 2019
×
Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional - Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional

Comissão mista aprova MP da Intervenção no Setor Elétrico




Luciene Cruz
Agência Brasil

 

Brasília – A comissão mista aprovou hoje (28) o parecer sobre a Medida Provisória da Intervenção no Setor Elétrico (MP 577/2012). O texto foi apresentado ontem pelo relator, senador Romero Jucá (PMDB-RR). Das 88 emendas sugeridas inicialmente por deputados e senadores, apenas 11 foram aprovadas integral ou parcialmente.
 

A medida, publicada em 30 de agosto deste ano, estabelece que o poder concedente, por meio da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), poderá intervir no serviço de concessão de energia elétrica.
 

A proposta aprovada limitou o prazo de prorrogação a um período de dois anos, totalizando o máximo de três anos de duração para intervenção – um ano e até dois de prorrogação. A consideração foi feita pelo relator. Na emenda proposta, o prazo poderia ser prorrogado indefinidamente “a critério” da Aneel.
 

O relator também incluiu um artigo no qual permite que, durante o período de intervenção, a União poderá aportar recursos na empresa, objetivando viabilizar a manutenção da concessionária, durante o prazo estabelecido. A proposta prevê ainda que os recursos investidos sejam restituídos em até 90 dias da suspensão da intervenção.
 

Jucá manteve o critério de bloqueio de bens, que “impõe a indisponibilidade dos bens dos administradores das empresas sob intervenção, inclusive daqueles que tenham participado da administração da concessionária nos últimos doze meses”. Segundo o artigo, o prazo é suficiente para “alcançar” todos os responsáveis por alguma situação delicada da empresa.
 

A comissão foi instalada em 16 de outubro, visando a adequar a distribuição de energia, além da extinção de concessões e da prestação temporária do serviço.
 

Mais Sobre Energia e Meio Ambiente - Internacional

Energia Sustentável do Brasil assina termo de compromisso com ICMBio para investimento em unidades de conservação na Amazônia

Energia Sustentável do Brasil assina termo de compromisso com ICMBio para investimento em unidades de conservação na Amazônia

Duas unidades de conservação na Amazônia receberão investimentos da Energia Sustentável do Brasil (ESBR), concessionária da Usina Hidrelétrica (UHE)

Teste de autorrestabelecimento é feito com sucesso na UHE Jirau

Teste de autorrestabelecimento é feito com sucesso na UHE Jirau

As Unidades Geradoras (UG) são desligadas para simular um apagão

SPIC - Chinesa tem pressa para comprar hidrelétrica Santo Antônio

SPIC - Chinesa tem pressa para comprar hidrelétrica Santo Antônio

As negociações duram mais de um ano, e agora a SPIC corre para concluir a transação antes da posse de Bolsonaro na Presidência

Mais de 940 mil m³ foram dragados do rio Madeira em 2018

Mais de 940 mil m³ foram dragados do rio Madeira em 2018

O processo consiste em escavar o material que está obstruindo o canal de navegação e bombear o volume a pelo menos 250 m de distância desse canal.A